EXCLUSIVO: Fotógrafos ameaçados por amigos de Mel Maia abrem o jogo

Delson Silva e Dilson teriam sido comparados a pedófilos fotografando a atriz e foram coagidos

Publicado há uma hora
Por Erlan Bastos
Publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

Os fotógrafos Delson Silva e Dilson passaram por um grande perrengue na tarde desta sexta-feira (8/1) no Rio de Janeiro e procuraram o colunista Léo Dias como pedido de socorro. O motivo? A atriz Mel Maia curtindo com amigos na praia da Barra Tijuca. Até então nada demais, acontece que a atriz não gostou de receber o clique dos paparazzis e acenou para que parassem de fotografá-la.

A atriz então teria insistido no pedido e solicitado que os amigos fossem intervir para que as fotos fossem apagadas. Dilson e Delson sobrevivem de tirar fotos, aliás, é o trabalho de um paparazzi clicar famosos pela cidade e mostrando seu cotidiano. Após se negarem em excluir as fotos, os amigos da beldade tentaram partir para cima dos fotógrafos. Segundo os fotógrafos, ocorreu até questionamento sobre pedofilia por conta da idade da atriz. Dilson então falou sobre a menina ser figura pública e que estava seguindo seu trabalho.

Continua depois da publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

A nossa coluna procurou os irmãos que contaram maiores detalhes para a equipe sobre o ocorrido infeliz na praia, com direito até ataque ao carro deles: “A praia estava cheia, Mel Maia brincava com os amigos de briga de galo, os amigos dela me viram e ela acenou pedindo para parar de fotografar, fazendo sinal.  Nisso por volta de 15 amigos vieram para cima de mim e conseguimos chamar o Barra Presente. Meu irmão chegou para me ajudar e os amigos dizendo que iam quebrar nossos dentes, mandando apagar as fotos. A própria polícia não conseguiu conter. Existe outra equipe de reportagem no local. Chegaram a bater no retrovisor. Se a polícia não garantir nossa integridade, quem vai garantir? Como vou fazer um boletim de ocorrência sem provas? Se for de ameaça não vai dar em nada. A liberdade de imprensa está na lei”.

Os irmãos supostamente teriam sido coagidos e ficaram aguardando no Hotel Windsor por medida de segurança e proteção.

Procuramos também Débora Maia, a mãe e responsável por Mel Maia que até então não nos respondeu. O espaço segue aberto.

Você usa Telegram? Quer ficar sempre por dentro dos assuntos exclusivos que sai na nossa coluna? Então clique aqui e participe do nosso canal no Telegram e receba sempre notícias em primeira mão.

A reprodução deste conteúdo parcial ou total é autorizada em veículos de comunicação e/ou perfis em redes sociais, desde que, sejam dados os devidos créditos. Caso contrário o infrator será penalizado nos termos da lei.

Publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio