Governo desmente Carlinhos Maia sobre convite para se vacinar

Governo de Alagoas emitiu nota oficial desmentido o ''convite'' sobre a vacina contra o coronavírus

Publicado há uma hora
Por Erlan Bastos
Publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

O perfil oficial do Governo de Alagoas postou uma nota desmentindo o influenciador digital e humorista Carlinhos Maia na tarde desta segunda-feira (18) através da rede social Facebook. Carlinhos divulgou anteriormente, através de seu Twitter, que teria sido convidado para tomar a vacina contra o COVID-19.

Na publicação ele diz: “Me convidaram aqui no meu estado para ser um dos primeiros a tomar a vacina. Não acho justo com quem ficou em casa todo o esse tempo, não aceitei. Mas filmarei mesmo assim para incentivar ainda mais a vacinação dentro do público que me segue”.

Continua depois da publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

O Governo de Alagoas tratou logo de emitir uma nota negando a história e ressaltando sobre a importância das prioridades: “A Secretaria de Estado da Comunicação informa que as 71 mil doses de vacina que começam a ser aplicadas nesta terça-feira (19/01) serão destinadas exclusivamente ao grupo prioritário definido pelo Ministério da Saúde. Estão neste grupo os profissionais de saúde que atuam na linha de frente no combate à COVID-19, indígenas e idosos residentes em abrigos. Não procedem informações de convites feitos a qualquer cidadão fora deste grupo”.

Segundo Carlinhos Maia, o convite teria partido pelo contexto de divulgação da vacina contra o novo coronavírus, já que muitos estão com medo de tomar e se imunizar. O influenciador e humorista foi pego no pulo e provavelmente no susto também com o posicionamento do Governo de Alagoas. Até o momento o cantor não faz parte do grupo de risco ou de prioridades para tomar a vacina de imediato.

Você usa Telegram? Quer ficar sempre por dentro dos assuntos exclusivos que sai na nossa coluna? Então clique aqui e participe do nosso canal no Telegram e receba sempre notícias em primeira mão.

Publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio