De acordo com o G1 da Globo, a PM do Paraná criou uma confusão e noticiou que Paulo Cupertino foi preso. Segundo o Delegado-geral de SP, o assassino de Rafael Miguel continua sendo procurado e não foi detido ainda. O Delegado-geral de Polícia de São Paulo, Ruy Ferraz Fontes, explicou que a Polícia Militar do Paraná irá fazer a retratação anunciando que se confundiu e que Paulo Cupertino, de fato não foi preso. Lembrando próprio havia divulgado que o assassino do ator-mirim havia sido preso e não foi.

Ainda no início desta semana, segunda-feira (26), a Polícia Civil apurou e descobriu que Paulo estava utilizando uma certidão de nascimento e identidade falsas, no norte do Paraná, especificamente em Jataizinho. O nome que o assassino utilizava era ‘Manoel Machado da Silva’.

Um ponto importante é que na certidão falsa de Cupertino, os nomes dos pais dele também eram outros. Os dois documentos foram cancelados. A ex-namorada de Rafael Miguel respirou alivada quando soube da prisão, entretanto, foi em vão. Cupertino ainda se encontra solto.


O conteúdo publicado nesta coluna é de inteira responsabilidade do colunista e não reflete necessariamente a opinião e práticas do Observatório dos Famosos.