Luto no humor: Paulo Gustavo morre aos 42 anos, vítima de Covid-19

Morre no Rio de Janeiro, o ator Paulo Gustavo,

Publicadohá pouco tempo
Publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

É com muito pesar que noticio o que eu tanto temia escrever. Impossível não estar abalada neste momento, assim como o Brasil se sente, difícil não se envolver. Como sempre declarei em minhas redes sociais, Paulo Gustavo trouxe muita alegria à minha casa. Inúmeras foram as vezes que assisti seus filmes, sempre revia com minha filha, porque esbanjando talento, Paulo nos tirava gargalhadas. E hoje nos tira um choro entalado. Paulo Gustavo nos deixa aos 42 anos. Faleceu na noite deste sábado (03), no Hospital Copa Star, em Copacabana (RJ), onde estava internado.

Thales Bretas e Paulo Gustavo (Foto: Reprodução/ Instagram)

O Brasil lamenta e chora a morte daquele que trazendo a figura da sua mãe, com seu humor popular, atingia à todos, tirando risadas. Hoje é um dia de reflexão. O que esse vírus – COVID 19 – está fazendo no mundo, dizimando vidas, levando nossos artistas, nossas referências, pessoas próximas, é assustador.

Continua depois da publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

Mônica Martelli e Paulo Gustavo (Foto: Reprodução/ Instagram)

Foram inúmeras vezes que eu estava triste por algum motivo e sempre chamava a minha filha Stephanie e dizia para ela: “Bora assistir algo do Paulo Gustavo pra gente rir?”. E sempre dava certo. Assistia “Minha Mãe É Uma Peça” (todos) e “Minha Vida Em Marte“, ao final, eu estava mais alegre. Dona Hermínia parece ter sido feita para mim. Sou eu “todinha”, aliás todas as mães verdadeiras se identificam com essa personagem incrível.

Paulo Gustavo caracterizado de Dona Hermínia. (Reprodução: Internet )

Hoje o país chora e torce para que seu marido, o dermatologista Thales Bretas, tenha força para seguir a jornada com seus filhos. Hoje o Brasil sente a dor de uma mãe homenageada em vida, pela personagem mais marcante de seu filho: a Dona Hermínia.

Artistas como Paulo Gustavo são únicos. Inesquecíveis. Não haverá outro igual. Assim como também não existirá outro Gugu Liberato, Chico Anysio, Lucio Mauro, Costinha, Agildo Ribeiro, Rogério Cardoso e tantos outros que já nos deixaram. Vai Paulo, se junte aos gigantes como você.

Publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio