Renan Ribeiro, Nara Almeida e Cristiano Araújo
Renan Ribeiro, Nara Almeida e Cristiano Araújo (FOTOS: Instagram; Flaney Gonzallez)

No dia 21 de maio fomos surpreendidos com a notícia da morte da influenciadora digital Nara Almeida, aos 24 anos, depois de uma intensa luta contra o câncer de estômago que descobriu em 2017. Tomando essa despedida como trágico exemplo, relembre 8 artistas que nos deixaram cedo demais.

Cristiano Araújo

Cristiano Araújo
Cristiano Araújo (FOTO: Reprodução/Instagram)

Era um cantor, compositor e multi-instrumentista. Fez enorme sucesso por seus hits como ‘Hoje Eu Tô Terrível’ e ‘É Com Ela Que Eu Estou’, se tornando inclusive um dos artistas com um dos cachês mais caros do Brasil. Também gravou 4 álbuns e 3 DVDs. Morreu em junho de 2015, num acidente de carro na BR-153. Até chegou a ser socorrido, mas uma hemorragia interna na região do abdômen o vitimou fatalmente aos 29 anos de idade.


Amy Winehouse

Amy Winehouse
Amy Winehouse (FOTO: Divulgação)

A britânica foi um verdadeiro sucesso enquanto estava viva, sendo eternamente lembrada por sucessos como ‘Rehab’ e ‘Back To Black’. Também tinha influências de ritmos variados como soul, jazz e R&B. Lançou dois álbuns de estúdio, 3 EPs e um álbum de vídeo, ao todo vendendo 35 milhões de discos. Ganhou inúmeras certificações de ouro, platina e diamante, inclusive no Brasil. Só em 2008, ganhou 5 troféus no renomado ‘Grammy Awards’. Depois de problemas com drogas e alcoolismo, morreu por exagerar na bebida pós-abstinência e acabou tendo uma parada respiratória em casa (2011) aos 27 anos.

Heath Ledger

Heath Ledger
Heath Ledger (FOTO: Reprodução/Wikipedia)

Era um ator australiano, famoso por suas participações em inúmeros filmes, destacando-se ‘Batman: O Cavaleiro das Trevas’, ‘A Última Ceia’ e ‘O Segredo de Brokeback Mountain’. No total, 18 filmes e 4 participações na TV, sendo indicado a prêmios renomados como o Oscar e o Globo de Ouro. Em 2008, foi encontrado morto no quarto de sua casa por overdose de remédios prescritos aos 28 anos, com efeito calmante e sonífero.

Mamonas Assassinas

Mamonas Assassinas
Mamonas Assassinas (FOTO: Divulgação)

A banda formada por Dinho, Bento Hinoto, Samuel Reoli, Sérgio Reoli e Julio Rasec surgiu em 1990 como Utopia, mas só em 1994 que viraram os ‘Mamonas Assassinas’. Misturava a grande influência do pop rock com outros ritmos populares como brega, vira e heavy metal. Enquanto vivos, só lançaram 1 álbum que vendeu 3 milhões de cópias, o que rendeu a certificação de diamante. Em 1996 foram vítimas de um acidente aéreo sobre a Serra da Cantareira, fazendo com que todos os integrantes da banda. As idades deles variavam de 22 a 28 anos.

Claudinho

Claudinho & Buchecha
Claudinho & Buchecha (FOTO: Acervo pessoal / Funk de Raiz)

Conheceu Buchecha na infância e com ele formou uma dupla que durou entre 1995 e 2002. O primeiro ano da dupla trouxe sua grande introdução ao estrelato, pelo ‘Rap do Salgueiro’, que rendeu o primeiro contrato com a gravadora ‘Universal Music. Depois de sucessos como ‘Quero te encontrar’ e ‘Nosso Sonho’, vender mais de 1 milhão de discos e ganhar alguns prêmios, um acidente separou a dupla fatalmente. Aos 26 anos, Claudinho morreu num acidente de carro (em 2002) na Rodovia Presidente Dutra, com o próprio carro, ao invés de ter ido com a van da dupla.

Renan Ribeiro

Renan Ribeiro
Renan Ribeiro (FOTO: Isabella Pinheiro / Gshow)

Esteve na 4ª edição do ‘The Voice Brasil’, onde chegou até as semifinais. Na sua audição para entrar no programa, cantou ‘Implorando Pra Trair’ e emocionou ao virar as 4 cadeiras, entrando para o time de Michel Teló (intérprete da música). Um grave acidente de carro o vitimou em Mogi Mirim (SP) aos 26 anos de idade, após bater de frente com uma carreta.

Cazuza

Cazuza
Cazuza (FOTO: Reprodução/YouTube)

Começou a carreira cantando no ‘Barão Vermelho’ com Frejat e depois partiu para a carreira solo, sendo considerado pela crítica um dos grandes poetas da música brasileira. Deixou 126 músicas gravadas, 78 inéditas e 34 para outros intérpretes. No total, vendeu 5 milhões de discos, ganhando diversas certificações e incluído (em 2008) como um dos 100 maiores artistas do Brasil pela revista ‘Rolling Stone’. Em 1889 assumiu que era soropositivo. Em 1990 arriscou tratamentos em Boston, São Paulo e Rio de Janeiro, mas acabou morrendo com 32 anos, por um choque séptico causado pela AIDS.

Renato Russo

Renato Russo
Renato Russo (FOTO: Divulgação)

Foi o vocalista da banda ‘Legião Urbana’ entre 1982 e 1996, grupo onde lançou 8 álbuns de estúdio, 5 álbuns ao vivo e outros lançados depois de sua morte. Seus sucessos como ‘Tempo Perdido’ e ‘Será’ são eternizados em reproduções e releituras de diversos cantores. Veio a falecer aos 36 anos de idade, por conta de algumas complicações geradas pela AIDS.