Bruno Gagliasso
Bruno Gagliasso (FOTO: Leo Franco / AGNews)

Texto/Entrevista: Leandro Lel Lima

Protagonista do filme Toda as Canções de Amor, ao lado de Marina Ruy Barbosa, o ator Bruno Gagliasso afirmou durante coletiva de imprensa que o longa chegou em boa hora. O artista fez uma comparação com o atual momento político do Brasil.

Enfrentando problemas pessoais motivados, segundo a imprensa, por conta da disputa eleitoral entre Jair Bolsonaro e Fernando Haddad, Gagliasso reforçou a mensagem que a história apresenta: “Estamos precisando de amor, numa época dessas… Tenho muito orgulho de fazer parte desse filme”, disse.


Leia mais: Bruno Gagliasso faz declaração de amor para Giovanna Ewbank

Nos últimos dias, o irmão de Bruno, Thiago Gagliasso, tornou pública uma conversa que manteve com a sua cunhada, Gio Webank. Parte da imprensa acredita que a discussão tenha ligações políticas. Sumidos das redes sociais, Thiago reativou sua conta na noite da última quarta, 24.

Tanto Bruno quanto a esposa Gio estão à frente da campanha “Ele não, Ele nunca”, contra Bolsonaro, que ganhou destaque na imprensa internacional e o apoio de milhares de artistas do Brasil e do mundo.

Giovanna Ewbank e Bruno Gagliasso
Giovanna Ewbank e Bruno Gagliasso (Foto: Reprodução/ Instagram)

Ainda sobre o uso das redes sociais, Bruno afirmou: “Cabe a cada um fazer um bom uso das redes sociais ou não. Eu escolho usar a favor do amor”.  A partir de novembro, Gagliasso e Marina retomam a parceria como protagonistas de O Sétimo Guardião, trama das Globo.

Todas as Canções de Amor

Sob a direção de Joanna Mariani, o roteiro conta a história de dois casais que têm suas histórias divididas pelo tempo e unidas por um apartamento e uma fita cassete, com músicas que marcaram o relacionamento de Clarice (Luiza Mariani) e Daniel (Julio Andrade), e influenciarão o de Ana (Marina Ruy Barbosa) e Chico (Bruno Gagliasso).

Veja também: Bruno Gagliasso toma atitude em relação à briga de Giovanna Ewbank e Thiago Gagliasso

Repleto de canções nacionais, a curadoria musical ficou por conta da cantora e compositora Maria Gadu. A película faz uma homenagem aos artistas que embalam a MPB.  A obra chega aos cinemas no dia 08 de novembro.