Cláudia Raia (Foto: Agnews)

Cláudia Raia esteve presente no velório de Jorge Fernando, assim como muitos atores globais, nesta terça-feira (29). Inconsolável, a atriz falou em entrevista ao G1 que terá que reaprender a viver, pois não se lembra como é a vida sem o diretor.

“Um legado eterno. Eu tenho que reaprender a viver porque eu não lembro da minha vida sem ele. Desde os meus 17, 18 anos, meu diretor, meu norte, meu amigo, meu confidente”, lamentou a morte do amigo.

“Um gênio da criação, da criatividade, da alegria. Onde ele chegava, iluminava tudo o que estava em volta dele. É uma grande perda. O mundo piora muito sem ele. E a gente vai tentar aqui reaprender”, acrescentou, bem abalada.


Nas redes sociais, ela já havia falado o quão Jorge era importante em sua vida, com um textão emocionante. “Hoje o mundo acordou mais sem graça… Perdi meu norte, meu tudo, meu grande diretor e grande amigo. A pessoa que me falava tudo que ninguém falava, conhecia todos os meus truques em cena, me desafiava, me trazia sempre para o novo, fazia eu me reinventar. Estou destruída…”, dizia um trecho.