Paolla Oliveira fala sobre novos trabalhos e repercute processo por vazamento de suas fotos

Publicado há 3 anos
Por Redação
Publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

 Entrevista: André Romano | Edição: Henrique Carlos, Matheus Henrique Menezes 

Paolla Oliveira, que protagonizou a penúltima novela da faixa das 21h da TV Globo, ‘A Força do Querer’, está longe das novelas desde então mas só recentemente pode tirar férias, devido a novas produções em que esteve envolvida. Em entrevista ao nosso site, a atriz falou sobre seus novos trabalhos, decepções na vida pessoal e o polêmico caso do cinegrafista que vazou suas fotos.

Continua depois da publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

Paolla, você está de férias desde o término da novela. Quando te veremos novamente na telinha?

Na verdade, eu não entrei de férias depois de A Força do Querer’. De lá para cá eu já fiz um filme, e uma série que terminou em março, então estou de férias há pouco tempo. Estou na energização e sem a pressão de ter que trabalhar logo, apesar de as pessoas falarem.

Você está lançando um filme com o Ricardo Pereira agora, né? 

Na verdade é um romance leve, divertido, que fala sobre as várias fases de um relacionamento, que pode cair na mesmice, que às vezes o que a gente deseja não é o que vai resolver os nossos problemas. Sabe aquele tipo de filme que a qualquer momento você vai assistir e vai se divertir? Eu acho que o nosso público de cinema tem a comédia, tem os filmes cabeça, os filmes que são premiados e acho que tem esse meio caminho para a gente explorar, que é esse filme que a gente gosta de ver, que entretém, que diverte e que às vezes faz a gente pensar. Eu e Ricardo Pereira numa discussão que a gente já ouviu falar, mas por outros olhos.

Paolla Oliveira e Ricardo Pereira nos bastidores de ‘Assim Como Eu’ (FOTO: Divulgação)

Você já passou por essa situação de idealizar alguém e acabar quebrando a cara?

Todos nós, levante o dedo quem não, gente. Na verdade, a gente tem uma mania bem feia de ficar o tempo todo falando: ‘Mas a pessoa deveria ser assim, a pessoa deveria ser assado’, a gente nunca olha para dentro, mas eu sinto isso em relação a várias coisas, antes de criticar o outro, às vezes vale a pena a gente se olhar. Minha avó falava uma coisa maravilhosa que é: ‘olhar o rabo do outro é fácil, olhar o nosso dá um trabalhão’, mais ou menos isso (risos).

Você é uma pessoa que está sempre nos holofotes e tudo o que você faz é olhado sempre com microscópio, às vezes as pessoas questionam certas atitudes e você surpreendeu todo mundo com a sua evolução de perdoar o cinegrafista que vazou as suas fotos. As pessoas ficaram de boca aberta com a sua atitude.

Talvez eu te decepcione, não houve perdão. As pessoas falam o que elas querem, mas não houve perdão, o processo continua correndo na justiça, o que houve foi a possibilidade de haver dois processos e aí eu vou te falar onde talvez eu tenha sido uma pessoa legal. São dois processos, a casa corre conjunto comigo em um que continua e o segundo eu iria falar do mesmo assunto, usando profissionais especializados para falar sobre esse tipo de assunto, sobre assuntos femininos, casos horríveis, eu achei injusto segurar todos esses profissionais.

Então só para ficar claro, seriam dois processos e na verdade vai ser um só?

Isso, porque falariam da mesma coisa. A casa e eu continuamos com um em conjunto.

Publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio