Maria Braga
Maria Gal (Foto: Reprodução/ Instagram)

Entrevista: André Romano

A atriz Maria Gal, nascida em Salvador, Bahia, se jogou na folia deste ano, e falou que a festa ‘está na veia’. “Curiosamente esse ano eu fugi um pouco, foi dolorido”, falou, entre risos.

Ela ainda explicou que ficou um pouco de fora por conta do trabalho, já que volta a gravar a segunda fase de ‘Poliana moça’ nesta semana. Além de atuar, a musa também está se jogando como repórter do Fofocalizando.


“É uma outra coisa totalmente diferente, está endo desafiador”, falou, sobre a experiência. Sobre as questões raciais, Gal acredita que o país está caminhando bem, porém de forma lenta. “Eu acredito que a gente está caminhando bem a passos lentos. Está tendo um dialogo maior, mas ainda na bolha. A gente está falando um pouco mais. A gente ainda está em 1960 dos Estados Unidos, ainda é muito pouco para o que a gente precisa”, opinou.

No começo do ano, a artista mostrou o bumbum na praia. “Aprender a valorizar o corpo como sua morada provisória é uma sabedoria. Eu me amo e me aprovo do jeito que EU SOU”, falou, na ocasião.