MC Pocahontas celebra 23º aniversário com festão e cura ‘trauma’ dos 15 anos: “Desmaiei de tanto stress”

Publicadohá pouco tempo
Publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

Sete anos após uma festa de aniversário desastrosa, MC Pocahontas curou o “trauma” com uma comemoração dos sonhos na noite desta terça (17), dia em que completou 23 anos.

“Tive uma decepção muito grande na minha festa de 15 anos. De tudo o que eu pedi, nada foi realizado. Desmaiei de tanto stress. Caí dura no chão mesmo. Quebrei o bolo na hora do parabéns e tudo. Acho que mereço uma nova chance”, disse a funkeira durante entrevista exclusiva ao Observatório dos Famosos.

Continua depois da publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

Veja mais: Antônia Fontenelle aparece dando “sarrada no ar” ao lado de MC Pocahontas.

Poca, como é chamada pelos amigos, usou um vestido salmão com uma fenda que chegava pouco abaixo do umbigo. Ela se inspirou em um modelito usado pela “make up artist” Amra Olević em uma foto postada em suas redes sociais.

Mc Pocachontas em seu aniversário de 23 anos (FOTO: Divulgação)

“Eu vi esse look na Amra, achei incrível e falei: cara, preciso de um look com muito brilho para a minha festa. Minha stylist mandou fazer e ficou incrível, igualzinho. Por baixo do vestido tem uma calcinha do mesmo tecido. Do jeito que sou louca e gosto de descer até o chão, não ia dar certo ficar sem nada por baixo.”, disse a MC.

A festa da funkeira foi realizada em um sítio na Taquara, zona oeste do Rio. Entre os convidados, estavam Valesca Popozuda, DJ Marlboro, Mc Jefinho, Romulo Costa, Priscila Noceti, Gominho, entre outros.. A promoter Julienne Camacho foi quem comandou a organização do evento. Ela também tomou a frente das festas de aniversário de Jonathan Costa, Maneirinho, Valesca Popzuda e Antonia Fontenelle este ano.

“Julienne e todo mundo envolvido nessa festa superaram minhas expectativas. Hoje, sem dúvida, está sendo o melhor dia da minha vida. Já cheguei aqui chorando”, afirmou a funkeira.

MC Pocahontas também fez uma análise dos últimos 12 meses e disse que este foi o ano em que mais batalhou em toda a sua vida. Ela conta que a carreira como cantora de funk, que começou em 2010, aconteceu de maneira natural. Mas só depois que teve a filha Vitória, fruto do relacionamento com o ex-marido, Mc Roba Cena, é que passou a levar a profissão mais a sério.

Em meio a tanta correria, mal sobra tempo para namorar. Solteira e sem paqueras, ela diz que hoje “vive e respira” os compromissos profissionais. Mas isso não significa que a morena pense em dispensar um novo amor, caso surja por aí: “A hora que aparecer alguém quem sabe [a situação mude], né?”.

MC Pocahontas vai lançar músicas com parceiros nas próximas semanas, entre elas um featuring com MC Davi, chamado Tuturutum. Satisfeita com os rumos que sua carreira tomou, ela reflete: “Nunca mais quero duvidar de mim. Nunca mais vou me prender ao meu medo. Eu tinha muito medo de arriscar. Em tudo, de modo geral. Hoje sou muito aventureira, sou de arriscar. Se der certo, deu. E se não der a gente tenta de novo.”

Publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio