“Nos momentos mais dramáticos da minha vida, eu não chorei”, afirma Reynaldo Gianecchini

Publicado há 4 anos
Por Redação
Publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

No ar como o protagonista Pedro de A Lei do Amor, Reynaldo Gianecchini afirmou ao jornal Extra que acha chato lágrimas serem sinônimo de sofrimento.

“É mais bonito mostrar sofrimento sem precisar apelar para as lágrimas. Eu choro muito pouco. Nos momentos mais dramáticos da minha vida, eu não chorei. E, como público, acho insuportável ver mocinho aos prantos o tempo todo”, opinou o famoso.

Continua depois da publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

O astro garantiu que não ouviu durante a infância que chorar não era coisa de meninos, mas que apenas é mais contido nas emoções. “Eu tenho uma tendência, graças a Deus, a nunca levar os acontecimentos para o lado trágico”, concluiu Gianecchini.

Publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio