Clube da Esquina é o maior álbum brasileiro de todos os tempos

Podcast Discoteca Básica lançará livro listando os 500 maiores álbuns da música nacional; votação envolveu mais de 160 especialistas do ramo musical

Publicado em 10/05/2022 23:34
Publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

Em uma votação organizada no ano passado pelo podcast Discoteca Básica, o álbum Clube da Esquina, de Lô Borges e Milton Nascimento, foi eleito o maior álbum brasileiro de todos os tempos. Os resultados foram divulgados na última segunda-feira (09/05), e a votação contou com 162 especialistas de diferentes áreas da produção musical.

A ideia da votação surgiu ao longo do segundo semestre de 2021 e envolveu nomes de respeito do mundo da música. Entre jornalistas, destacam-se Mauro Ferreira, Jotabê Medeiros, Nelson Motta; entre os produtores, Pupillo, Lampadinha e muitos outros, além de músicos, como André Abujamra e Leoni.

Publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

Para os hosts do Discoteca Básica, Guga Mafra e Ricardo Alexandre, a pesquisa entre especialistas representa o maior guia já feito sobre a produção fonográfica brasileira, tanto por causa do número de votantes quanto pelo número de discos que foram listados.

Como funcionou a votação que deu origem à lista

O Guia foi montado da seguinte maneira: cada um dos votantes contribuiu com sua própria lista de 50 melhores discos brasileiros de todos os tempos. O resultado geral, listando os 500 maiores discos da história da música nacional será lançado em um livro, que pode ser financiado através de uma campanha no Catarse até o dia 9 de julho.

Nessa temporada, a quarta do Discoteca Básica, os programas falarão a respeito do ‘top 30’ da lista. Em cada episódio, Guga, Alexandre e mais um convidado irão destrinchar um disco diferente. Abrindo a season, Samuel Rosa, mineiro e um entusiasta do Clube Da Esquina. “É muito impactante, um disco ecumênico, um disco de turma”, disse o vocalista do Skank.

O Top 10 foi divulgado pelo programa e conta com os seguintes discos:

1. Clube da esquina (1972) – Milton Nascimento e Lô Borges

2. Acabou chorare (1972) – Novos Baianos

3. Chega de saudade (1959) – João Gilberto

4. Secos & molhados (1973) – Secos & Molhados

5. Construção (1971) – Chico Buarque

6. A Tábua de esmeralda (1974) – Jorge Ben Jor

7. Tropicália ou panis et circencis (1968) – Vários artistas

8. Transa (1972) – Caetano Veloso

9. Sobrevivendo no inferno (1997) – Racionais MC’s

10. Elis & Tom (1974) – Elis Regina e Tom Jobim

Confira o episódio do Discoteca Básica totalmente dedicado ao Clube da Esquina:

Publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio