Whindersson Nunes pede desculpas ao pai de Luísa Sonza: “Perdão”

Publicado em 25/02/2022 10:33
Publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

O humorista Whindersson Nunes decidiu se pronunciar sobre as últimas polêmicas. Em suma, a mãe do artista falou da família de Luísa Sonza e Maria Lina. Sendo assim, Cézar Sonza, pai da cantora gaúcha, decidiu se pronunciar, defendendo sua filha.

Desse modo, o famoso milionário decidiu pedir perdão ao pai da loira, nos comentários do vídeo gravado por Cézar. “Espero ser a última vez que falo sobre isso”, revelou. Whindersson Nunes, por sua vez, pediu mil desculpas por tudo. “Seu Cézar, mil desculpas por isso e por todo transtorno até hoje. Perdão mesmo por tudo que eu causei e causo, isso não vai mais acontecer, perdão mesmo”.

Publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

Por fim, o pai de Luísa Sonza também respondeu ao comentário do humorista, deixando apenas três corações.

No vídeo, César Sonza esculachou a fala da mãe do famoso. “Infelizmente estou aqui para falar mais uma vez sobre um comentário desnecessário. Eu fico triste, porque é um momento totalmente desnecessário. Whindersson desconstituiu a vida dele inteira, teve filho, e parece que nada disso teve importância. Eu me coloco no lugar da ex-noiva de Whindersson ouvindo esse tipo de comentário. Quando os pais começam a se meter em coisas dos filhos, dessa forma, não leva a nada, e só pode prejudicar. A Luísa ficou dois anos ouvindo, ela insistia pra não falar, e parece que a coisa não para, eu queria que deixassem esses dois jovens trabalhar. Nós só queremos com certeza o bem de todo mundo, quem conhece sabe, então a gente não precisa estar falando direto sobre isso. Acho até que não foi maldade que houve, mas sim falta de esclarecimento. Uma pena, e eu espero que não estoure mais uma vez na mulher.”

Luísa Sonza rebate fala de mãe de Whindersson Nunes sobre sua família

Recentemente, a mãe de Whindersson Nunes, Valdenice Nunes, deu o que falar ao comentar sobre Maria Lina e Luísa Sonza. Ao fazer críticas a família da influencer, acabou a comparando com a cantora em uma escala de qual era pior.

Desse modo, Luísa escreveu algo em seu Twitter que os fãs levaram como uma indireta ao episódio.

A artista quotou um tweet que dizia “Mandei flores pros meus pais hoje” e acrescentou em cima “Vou fazer isso tb pq pqp os pobi guenta coisa quieto viu 😂❤️”.

Nos comentários, os internautas tomaram o lado da cantora. Alguns até mesmo pedem que ela chame Maria Lina para jantar. Outra usuária brincou, “Tem que mandar a floricultura inteira”.

Confira:

Mãe de Whindersson Nunes detona família de Maria e compara com Luísa Sonza: “Pior”

A mãe do humorista Whindersson Nunes, Valdenice Nunes, gerou polêmica ao falar de Maria Lina e Luísa Sonza, na última terça-feira (23). Desse modo, em entrevista ao podcast ‘IELCAST’, ela fez duras críticas à família da influencer.

Sendo assim, enquanto conversava com o entrevistador, ela afirmou que falou mal da família de Maria, enquanto estava na casa deles em São Paulo.

Além disso, a matriarca da família de Whindersson Nunes, chegou a falar da família de Luísa Sonza também, enquanto detonada com a família da mãe de João Miguel.

“Agora, da segunda [vez], quando ele [Whindersson] foi me mostrar a casa com todo prazer, me mostrando a casa, ele disse: ‘Gostou, mãe?’. Eu falei: ‘Gostei’. Mas disse: ‘Acontece, meu filho, que você só mudou de sobrenome, a família é pior do que da primeira [Luísa Sonza]’.”

Por fim, a mãe de Whindersson afirmou que seu filho não gostou do comentário. “Ele respondeu: ‘Mãe, pelo amor de Deus, ave Maria, a senhora já disse isso. Mãe, eu namoro é com ela, não é com a família não’. Eu disse: ‘Mas quem aceita a mulher, aceita a família todinha. Quem aceita o homem, casou com a família toda também’. Aí eu já mudei porque fiquei com medo dele ficar com raiva e eu tava na casa dele, então você tem que procurar seu lugar, né?”, encerrou.

Pai de Whindersson fala sobre Luísa

O pai do humorista Whindersson Nunes, Hildebrando Nunes causou uma certa polêmica ao falar de Luísa Sonza. Em suma, o rapaz, que mora no Piauí, afirmou que o comediante de certa forma, deu uma carreira à gaúcha.

Sendo assim, em uma entrevista para um podcast, o patriarca da família Nunes afirmou que foi Whindersson, quem lhe deu o sucesso.

“A Luísa tem o talento dela, canta bem, mas alguém conhecia a Luísa antes do Whinderson Nunes? Que eu saiba, não. Ela cantava desde os 7 anos de idade, lá na cidade dela. De uma forma ou de outra, o Whinderson Nunes a ajudou a aparecer na mídia nacional e a crescer. Como tem muitos que têm talento e não tem oportunidade de aparecer”, disse o pai de Whindersson Nunes.

Além disso, em outro momento, ele afirmou que gostava muito de Luísa Sonza, e deixou claro que ela é uma pessoa muito fácil de lidar. 

“Acho que não (ela não foi ingrata). Foi não. Ela não fala mal de Whinderson em lugar nenhum. Então, um ajudou o outro. Eu gosto dela, do pai dela… Ela não tinha frescura com nada”, declarou.

Whindersson é criticado por fã de Luísa Sonza e se revolta: “Vai tomar no c*”

A recém-lançada autobiografia de Whindersson Nunes, “Vivendo Como Um Guerreiro”, está gerando polêmica nas redes sociais. Na obra, o artista faz diversas revelações – inclusive sobre seu antigo casamento com Luísa Sonza. No entanto, alguns fãs da cantora não gostaram de ver o humorista mencionando a ex no livro.

Nesta quinta-feira (16), Whindersson acabou explodindo ao receber críticas de fãs da Luísa no Twitter.

“Mas a Luisa já sofreu tanto hate em cima dessa história e quando finalmente tão esquecendo e enaltecendo ela pelo trabalho na música, o cara faz uma biografia pra falar dela de novo”, escreveu um internauta.

Whindersson, por sua vez, rebateu: “Eu não fiz uma biografia pra falar de Luísa, isso deve ter 2 páginas, eu não falei mal dela, meu livro fala sobre minha vida inteira. Vai tomar no seu c*, tô de saco cheio”.

Whindersson Nunes revela ter se afundado nas drogas após fim de casamento com Luísa Sonza

O humorista Whindersson Nunes lançou há pouco tempo o livro “Vivendo Como Um Guerreiro“. Em determinado momento, ele falou sobre o fim de seu casamento com Luísa Sonza e o uso de drogas.

Em primeiro momento, o humorista afirma que já usava drogas antes mesmo do fim com Luísa, mas, com o fim, ele começou a usar mais.

“Penso na vida que tantas vezes escapuliu de mim pela complexidade que é a minha vida. Como eu nunca escondi nada do que vivi, do que sofri, houve um período muito duro da minha vida em que eu não conseguia ficar sem as drogas. Teve um mês, quando o relacionamento com a Luísa terminou, que eu fiquei sem chão. A Luísa era uma menina que tinha muitas dúvidas na vida. Eu me via um pouco nela. Eu via que ela tinha futuro e, ao mesmo tempo, achava que ela precisava de ajuda. Eu também precisei de ajuda e não tive ninguém que me ensinasse como eu deveria fazer. Eu me via na obrigação de fazer por ela o que ninguém fez por mim. E, então, eu fazia tudo”

Whindersson conta que não estava sóbrio quando conheceu a ex e já naquela época, em 2017.

“Eu a conheci em 2017. No dia em que eu encontrei a Luísa, eu estava virado de droga, não estava bem, estava em busca do que eu não sabia. Eu vinha de outro término, enfim, essa área da vida eu não domino mesmo, como podem perceber. Quando a vi, pela primeira vez, eu a vi no efeito da droga. Eu a vi meio que brilhando. Foi o começo de uma viagem. Uma viagem de alguém que tem um instinto de professor. Eu queria passar tudo para ela. Eu queria que ela desse certo na vida”

Por fim, Whindersson deixou claro que Luísa Sonza não tem culpa nenhuma de seu vício, mas, associou a música penhasco, afirmando que ele também teve o seu.

“Minha viagem com a Luísa durou 4 anos. Ela me ajudou com a minha autoestima. Eu não me achava um homem interessante, um cara bonito. Isso pode não parecer muita coisa, mas para um alguém como eu, que algumas pessoas dizem que as mulheres estão comigo porque eu sou famoso e tenho dinheiro… O olhar dela fazia com que eu acreditasse que, de fato, eu era interessante, eu era legal. E, nisso, ela foi minha professora. E eu sou grato. Até hoje eu tenho uma confiança que ela fez brotar em mim. Nós viajamos muito juntos, conhecemos juntos o mundo e os nossos mundos internos”.

O humorista também conta que, apesar de todas as polêmicas, sempre vai torcer pelo bem de Luísa Sonza.

“Quero bem a Luísa e quero que os espaços da sua vida sejam sempre preenchidos com muito amor. Seu sucesso é de alguma forma um perfume que me lembra que é sempre bom cuidar das pessoas. E não quero que as pessoas destruam o que vivemos. Voltando para as drogas. Quando acabou com a Luísa, eu também tive o meu penhasco. A minha forma de lidar com essas situações é muito minha. Eu falo com o silêncio. Eu falo com o recolhimento. E, às vezes, falo errado. Reconheço que errei. Que as drogas foram me destruindo. Quando acabou com a Luísa, era o comecinho da pandemia. Estar sozinho, não sair de casa, me levou a uma viagem que não é uma boa viagem. Sem saber o que fazer, na minha cabeça, para terminar a viagem, eu tive que terminar do jeito que eu comecei. E, dessa vez, foi muito pior”

Além disso, Whindersson Nunes também se mostrou grato à Maria, mãe de seu filho, João Miguel.

“Não havia mais intervalo entre as drogas. Eu acordava e desacordava para a vida. Eram drogas e mais drogas tentando estancar sei lá o quê. Um mês. Um mês, e eu tenho a certeza de que não foi a Luísa a culpada. E não foi por ela que eu me lancei nesse abismo. Foi por mim. Foi por um buraco dentro de mim. Foi pela ausência das certezas da minha vida. (…) A depressão tem tratamento. Eu sei disso. É que há momentos em que nos esquecemos disso. (…) Bala, LSD em doses cavalares e algumas outras. Eu sofria tanto e achava que eu merecia. E o foco da minha vida virou nada, nas noites que não amanheciam. A sensação, às vezes, era de um descolar da alma do corpo. E o nada me fazia companhia. As drogas aumentaram as minhas paranoias. Medo das violências, medo das invasões da minha vida. E o pânico. Meu Deus?! Não desejo isso para ninguém. Meu cérebro derretendo. Minhas noites indormidas, virando de um lado para outro. Acusando o chão de não me caber. Tudo muito sofrido”

“Eu tinha medo que essa fase pudesse voltar. E eu, às vezes, pensava que eu devia me internar. E meus amigos diziam que isso seria um prato cheio para a mídia. E também não queria que isso fosse um prato cheio para que as pessoas culpassem a Luísa. Não. Definitivamente, a culpa não foi da Luísa. Não digo que alguém surge na nossa vida para resolver a nossa vida. Mas sou grato à Maria. Foi nessa viagem sem fim que conheci Maria. As minhas bagunças precisavam ser arrumadas. Eu fiquei envergonhado de estar naquela situação. E fui me arrumando”

Publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio