Thais Carla, a bailarina plus size de Anitta, é alvo de ataques gordofóbicos após compartilhar foto de ensaio nu

Publicadohá pouco tempo
Publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

Thais Carla, conhecida como a bailarina plus size de Anitta, compartilhou recentemente em suas redes sociais, a prévia de um ensaio fotográfico que realizou na companhia de duas mulheres negras. Até aí tudo bem se não fosse um lamentável fato ter ocorrido: o post com a imagem acabou se tornando um verdadeiro depósito para ataques gordofóbicos.

O ensaio, que teve como conceito a mistura de povos, acabou trazendo a público a intolerância de uma geração cada vez mais amparada pela impunidade virtual.

Continua depois da publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

Leia também: Dançarina de Anitta desabafa: “Sofro preconceito nas redes sociais e até dos próprios bailarinos”

A maioria dos comentários preconceituosos deixados nas redes sociais da dançarina associa seu sobrepeso com doenças.

“Sem exames eu já sei que elas têm: diabetes, hipertensão arterial sistêmica, artrose nos joelhos, triglicérides e colesterol elevado, problemas de infertilidade e menstruais”, escreveu um internauta, enquanto outro fez uma piada com a fome da África: “Se convertessem metade da gordura delas em comida dava para alimentar a população da África por uma década”, ironizou.

Até o fechamento desta matéria, Thais não se manifestou sobre os ataques, embora na legenda do post, tenha se declarado feliz consigo mesma.

“Mulheres – Miscigenadas – Gordas e Felizes. Esse foi um trabalho feito pelo fotógrafo @reisdeisrael (meu marido) com a intenção de ressignificar o conceito do que é ser belo usando a mistura de povos, e culturas que o Brasil tem!”, escreveu. Veja:

Publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio