Maisa lamenta morte de fã por homofobia

Publicado há 2 anos
Por Paulo Henrique Lima
Publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

Maisa Silva mostrou sua indignação ao falar da morte de um fã, que a seguia no Instagram, após sair de uma boate LGBT.  A apresentadora e atriz disse que a homofobia mata e pediu respeito entre as pessoas.

Leia também: Ciúmes? Maisa Silva replica comentário ousado de garota no Twitter de seu namorado

Continua depois da publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

“Não sei o que dizer, só queria orar pelo respeito e pelo amor no nosso mundo. A homofobia mata. Nunca vi a homossexualidade matar alguém, mas a  homofobia sim. Ela mata. Separa pessoas. O ódio e o preconceito caminham juntos, só não vê quem não quer”, disse.

Veja mais: Maisa revela loucuras de fãs: “Puxaram um tufo de cabelo meu. Fiquei em choque”

“Só queria expressar minha tristeza e minha indignação”, declarou Maisa. Provocada por um seguidor que disparou ‘até tu, Brutus?‘, a estrela teen respondeu: “Até eu o quê? Demonstrando ser contra preconceito? Que bom, né?”.

Publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio