Marina Ruy Barbosa
Marina Ruy Barbosa (FOTO: Reprodução/Instagram)

Marina Ruy Barbosa recorreu às redes sociais para desabafar no Dia Internacional da Mulher. Todo dia 8 de março, é celebrado o dia da mulher. Luta por questões como melhores condições de vida e trabalho, e respeito estão entre os motivos da data.

“Não seja uma feminista opressora. Com certeza o falar é mais fácil do que o agir. Colocar em prática atitudes feministas diante de uma sociedade que TODOS os dias propaga a rivalidade. Propaga competitividade entre as mulheres não é fácil. Mas é um esforço diário, e olhar atento pra todas as atitudes que temos. Devemos ter atenção, ninguém sabe a dor que a outra sente, problemas, angústias, cobranças…”, iniciou Marina.

“Antes de acusar, julgar, expor, procure saber, vá atrás da verdade, pois suas atitudes e comentários podem trazer um mal irreversível pra outra mana. Uma das coisas que eu aprendi com o feminismo é não atacar outra mulher, mesmo até que ela faça isso comigo”, desabafou Ruy Barbosa.


Marina Ruy Barbosa foi apontada como pivô da separação de José Loreto e Débora Nascimento, em fevereiro. Nas redes sociais, a atriz negou envolvimento com o ator. “Hoje comecei a ser apontada por fofoqueiros da internet de ser talvez pivô de uma separação, que devem assistir muita televisão e pelo visto a novela. Amo meu marido e sou muito feliz no casamento e nunca teria, nem nunca tive nada além de uma parceria profissional e amizade no trabalho por consequência da novela. Completamente infundado tudo isso”.

 

Visualizar esta foto no Instagram.

 

Uma publicação compartilhada por Marina Ruy Barbosa (@marinaruybarbosa) em