Diego Hypolito
Diego Hypolito (Foto: Reprodução/Instagram)

O ginasta Diego Hypolito, de 32 anos, deu uma entrevista para o UOL Esporte, e falou sobre sua orientação sexual, pela primeira vez. Ele disse que descobriu tudo aos 19 anos, e ainda contou porque escolheu se assumir apenas agora.

“Eu vivi a solidão de não ter ninguém com quem eu pudesse compartilhar os dilemas de ser uma pessoa gay numa sociedade preconceituosa. Por mais que todo mundo tenha a impressão de que tem muito gay na ginástica, não tem. Todo mundo me zoava, zombava do meu jeito. Eu tinha o sonho de conseguir uma medalha olímpica e faria de tudo para chegar lá, até esconder quem eu era. Eu tinha certeza que se um dia eu saísse do armário publicamente, perderia patrocínios e minha carreira seria prejudicada”, disse o famoso.

“A minha felicidade era a ginástica, então se eu não pudesse ser completo na minha vida pessoal, nem tinha tanto problema. Eu ia continuar a esconder a minha sexualidade para manter vivas as minhas aspirações no esporte. E deu certo, né? Uma medalha de prata em Olimpíada. Dois títulos e outras três medalhas em Mundiais. Mais 69 em Copas do Mundo”, falou ainda. “Eu caí duas vezes em duas Olimpíadas, uma vez de cara, outra de bunda no chão, e enfrentei uma síndrome do pânico antes de conseguir a prata na Rio-2016 – contrariando as expectativas de todo mundo, menos as minhas. Realizei meu sonho e virei exemplo de superação para muita gente. Tenho muito orgulho do que fiz. Mas odeio mentir”, revelou ele, que sempre ostenta a boa forma do corpo, nas redes.


Em 2017, o famoso participou do Super Chef Celebridades, no Mais Você, e revelou que foi parar no hospital após experimentar um prato feito por Claudia Ohana, competidora na época. “Eu não sabia que eu tinha alergia a lagostim. Em 2007, eu tive alergia a camarão, mas eu continuei comendo e nunca mais aconteceu nada. Fui parar na emergência e mais tarde fechou um pouco a garganta. Fiquei com falta de ar também”, afirmou, na época.