Solange Gomes, Waguinho e filha (Foto: Anderson Borde/AgNews)

O cantor Waguinho entrou com uma ação na justiça contra Solange Gomes, mãe de sua filha Stephanie. Segundo ele, a biografia da ex-musa da Banheira do Gugu, deve ser retirada das livrarias, por conter seu nome em uma parte da narrativa polêmica.

Desde que lançou seu livro Solange Gomes – sem Arrependimentos, a famosa virou assunto, porque nesse projeto, ela conta detalhes do momento em que estava no auge de sua carreira. Essa ação se deu pelo fato de ela ter citado que, enquanto estava grávida do cantor, ele saiu para um jantar com Carla Perez.

Por ordem judicial, Solange não poderia citar o nome de Waguinho, o expondo a situações vexatórias, como supostamente foi nesse caso. Em conversa com a Quem, a famosa argumentou: “Eu só quero e preciso trabalhar para ajudar no sustento da nossa filha, lamentável um pai querer prejudicar o trabalho da própria mãe da sua filha. Ele não tem visão! Quanto mais eu crescer profissionalmente, melhor pra ele”.


“Tenho todos direitos do mundo de narrar a minha história de vida, minhas dores, principalmente meu sofrimento SOZINHA durante a minha gravidez. As pessoas nos fazem sofrer e não querem que a gente conte. Não retiro uma palavra escrita no meu livro, pois estaria omitindo e enganando o público. Só preciso trabalhar e não posso ser impedida disso”, afirmou.