Angélica (Foto: Reprodução/Instagram)

A apresentadora Angélica, capa da revista JP, resolveu falar sobre as transformações que seu corpo está passando, após entrar na menopausa. Aos 46 anos, ela ainda relembrou da sua época jovem.

“Meu corpo foi se adaptando bem às idades e gosto de fazer exercício. Puxei meu pai que, aos 81, corre 12 km todos os dias. Para mim, meu melhor shape foi aos 28, 29 anos, porque você ainda tem o colágeno, as formas ainda estão aí”, falou a esposa de Luciano Huck.

“A maior transformação depois dos 40 foi a textura da pele, porque a gente vai ficando mais mole, se fica um mês sem malhar a coisa cai. Já estou na menopausa e isso para mim foi o que mais mudou, porque a minha cabeça está a mil. Botox faço desde os 14, mas nunca fiz nenhuma intervenção no corpo. A minha primeira intervenção, você vai morrer de rir: foi colocar unha de gel”, contou.


A loira ainda falou sobre as possibilidades do seu marido, apresentador do Caldeirão do Huck, entrar para a política. “Não sei se gostaria da minha família nessa confusão, nesse momento do país muito dividido. Estamos juntos nisso, mas a decisão é dele. Posso dar aquela ajudinha, mas acredito que ele tem muita energia para isso”, disse.