BBB21: Juliette conversa com Sarah e faz desabafo emocionante

A advogada e maquiadora, contou que durante muito tempo, se sentiu culpada por algumas coisas em sua vida

Publicadohá pouco tempo
Publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

Após a dinâmica do ‘Jogo da Discórdia’ no BBB21 na madrugada desta terça-feira (02), a participante Juliette conversou com sua colega de confinamento Sarah e fez um desabafo emocionante sobre sua história de vida.

A advogada e maquiadora, contou que durante muito tempo, se sentiu culpada por algumas coisas em sua vida e relatou que ao chegar no BBB, um trauma que viveu, acabou ressurgindo.

Continua depois da publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

“Eu já me ‘lasquei’ por ajudar meus irmãos que moravam comigo. E tem um agravante: minha família é pobre, muito pobre. Meus irmãos eram mais pobres que eu, tipo ‘materialmente’. Vieram quatro irmãos de uma vez só. Minha mãe não tinha nenhum filho, tinha perdido um. Aí ela ficou com meu pai e descobriu que ele já era ‘casado’ e tinha quatro filhos.”, iniciou ela.

“A ex-mulher do meu pai deixou ele com os quatro filhos. Minha mãe conta que chegou lá, tinha os quatro meninos com ‘feridas’ na cabeça, dormindo em um papelão, todo cheio de xixi. Ela se sentiu culpada e foi morar com meu pai e depois de três anos eu nasci. Quando eu nasci, eu já me senti culpada, porque eu era a única filha da minha mãe. Depois a minha irmã que tirou minha culpa, só que ela morreu.”, contou Juliette ao falar sobre sua irmã que morreu aos 17 anos, vítima de um AVC.

Na sequência, a sister disse que ao ver Lucas na situação em que está na casa, ela enxerga um de seus irmãos. “Então quando eu olho para Lucas, sinto que é o meu irmão que tá dormindo no chão, do meu lado. E eu não consigo olhar para ele, porque eu não sei lidar com isso.”, explicou ela.

Emocionada, Sarah compreendeu a história de Juliette. “O povo está te julgando com uma coisa que nem sequer escutaram a tua história. Quem te vê aqui linda, maravilhosa aí já te julgam: ‘essa mina é linda, tem cara de rica’.”, disse ela.

Após isso, a advogada contou que tentou se aproximar das pessoas no BBB21, mas diante de tudo que ouviu e da ‘rejeição’ ela começou a sentir medo de conversar ou de dizer qualquer coisa com medo de magoar alguém ou de ser julgada.

“E o meu irmão me fez muito mal, sem querer, porque ele não tem estudo. Meu irmão já foi preso, já fez tanta merda na vida, e eu tinha medo, me sentia culpada. E ele ficava triste comigo, não falava comigo. Até o refrigerante eu olhava se estava na mesma medida, pra ele não ficar bravo comigo. Eu tinha superado tudo isso, e quando cheguei aqui eu fiquei com medo, com um monte de gente maior que eu; Eu precisava reagir, eu precisava que elas gostassem de mim. Meu medo me dominou muito. Quando ele [Lucas] foi gritar com Ker, eu vi meu irmão, não vi ele não.”, finalizou ela.

VEJA MAIS: BBB21: Sarah sai em defesa de Lucas e Juliette e web comemora: “Sensata”

Publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio