Daniela Lima, da CNN, desabafa sobre ameaças de morte na web: “Covardia”

Publicado em 27/7/2021
Publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

Daniela Lima, âncora da CNN Brasil, desabafou sobre mais uma vez ser vítima de distorções na web. A jornalista confessou que tem recebido ameaças de mortes na web.

“Tenho sido vítima, nas últimas semanas, de uma série de distorções, edições maldosas cuja pior interpretação possível é sempre dada a trechos de coisas que eu disse. Pois bem, no último final de semana, esse ataque escalou e fui vítima de algo que não disse”, desabafou.

Continua depois da publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

No último sábado (24), uma estátua do Borba Gato (símbolo que homenageia os bandeirantes de Sampa e que foram os responsáveis em capturarem e escravizarem indígenas e negros) , foi incendiada nas manifestações contra o presidente Jair Bolsonaro. Daniela foi vítima de um meme que sugere que a jornalista foi a favor do vandalismo ocorrido, que compactou com o fato, algo repudiado por Daniela.

“Não se trata apenas de uma falsidade, é uma mentira. Não estava sequer na CNN, não estava no ar. Estava na minha casa e fui surpreendida com uma série de ataques resultantes de uma mentira, mentira travestida de piada. Queria olhar para as pessoas que foram até as minhas redes dizer que eu deveria morrer, que iam incendiar minha casa, assassinar os meus pais. Escolhi atuar com jornalismo e faço jornalismo correto”, desabafou.

“COVARDIA”

Indignada, Daniela não pretende deixar barato os ataques que vem sofrendo na web. “Eu não passo pano para criminoso e quem vai nas redes sociais, covarde, atacar a mim e minha família com base em mentiras, vai ter que ser responsabilizado. Internet não é terra de ninguém! Essa covardia, vândalos da imagem pública”, disse.

CONFUSÃO COM BOLSONARISTAS

Recentemente, Daniela Lima foi chamada de “quadrúpede” pelo presidente Jair Bolsonaro. Em uma matéria veiculada em um telejornal da emissora, Daniela disse: “Não saia daí porque agora, infelizmente, a gente vai falar de notícia boa, mas com valores não tão expressivos”, comentou.

Na web, pegaram o trecho da frase  “Não saia daí porque agora, infelizmente, a gente vai falar de notícia boa” e viralizaram entre os bolsonaristas que julgaram que a jornalista estava literalmente esculhambando o governo atual. O presidente chamou Daniela de “quadrúpede”, algo que revoltou muitos jornalistas, inclusive Monalisa Perrone.

“Hoje, a abertura do Expresso CNN é diferente. Eu, como mulher e jornalista com 28 anos de carreira, repudio com veemência os ataques que a minha colega Daniela Lima tem sofrido. Preciso terminar dizendo algo: ‘Inaceitável’”, confessou. 

LEIA MAIS: Jojo Todynho relata confusão após sofrer acidente de carro no Rio de Janeiro

Publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio