Di Ferrero relembra momentos difíceis de quando estava com coronavírus

Publicado há 7 meses
Por Beatriz Rodrigues
Publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

Di Ferrero relembrou dos momentos difíceis que passou quando estava infectado com o coronavírus. O cantor falou sobre o assunto no programa ‘Encontro’, nesta manhã de segunda-feira (11).

Eu só posso falar da minha experiência com o coronavírus. Como ele mexe com a coisa da nossa respiração, dá um desespero. Quando a respiração fica curta, é chato, dá uma dificuldade para dormir”, relembrou.

Continua depois da publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

Di contou que o apoio dos fãs foi muito importante nesse momento: “Para manter a cabeça no lugar, o principal foi a solidariedade das pessoas. Os fãs me mandando coisas, conversando comigo, eu conseguir trocar ideia com eles sobre a experiência, e ver que estava fazendo o papel de passar certo conforto para as pessoas que estavam perguntando”.

VEJA MAIS: Mariano revela rotina na quarentena após ser curado do coronavírus

“Essa troca me manteve são nos momentos difíceis. E eu fico pensando que é a grande lição que fica. Por tudo isso que a gente está passando, eu vejo uma onda de solidariedade, uma cultura de doação, que eu quero que continue depois do vírus”, disse ainda.

Por fim, Di Ferrero comentou sobre o isolamento não estar sendo levado a sério: “As pessoas que não estão levando a sério [essa crise] é porque talvez alguém da família ou alguém próximo não pegou”.Quando eu comecei a cancelar shows, nunca tinha cancelado nada por saúde. Daí cancelei um festival, e os organizadores falaram: ‘Então espera aí, a coisa é séria. Vamos adiar o festival inteiro’”, encerrou.

Publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio