Entenda a polêmica envolvendo Cid Moreira e os filhos

Roger Moreira e Rodrigo reclamam da relação do pai com a madrasta

Publicado em 21/7/2021
Publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

Roger Moreira e Rodrigo, filhos do jornalista Cid Moreira, entraram com um processo na vara de família, no Rio de Janeiro, solicitando a interdição do pai e fizeram graves acusações sobre Fátima Sampaio, esposa de Cid.

Segundo os filhos, o apresentador que marcou gerações no Jornal Nacional e no Fantástico, tem sintomas de demência e é supostamente controlado por Fátima, segundo veiculado no Uol. A esposa de Cid Moreira ainda não se manifestou sobre a matéria no referido portal.

Continua depois da publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

Roger Moreira, filho adotivo de Cid, revela que gosta muito do pai e se encontra impossibilitado de vê-lo por causa da madrasta.

“A única coisa que posso falar agora é que a verdade vai aparecer em breve. Ele é uma vítima. Se não fôssemos impedidos, nós filhos estaríamos convivendo com ele. Amamos ele e não podemos nos aproximar porque ela não deixa”, confessou.

LEIA MAIS: Arthur Picoli relembra foto ‘quente’ de sunga antes de entrar no BBB na web

CAOS NA FAMÍLIA DE CID

O caos na vida de Cid Moreira começou quando o filho adotivo Roger Moreira foi para o Balanço Geral, da Record TV, afirmando que o pai o teria deserdado. Já o filho biológico do apresentador, Rodrigo, alega que nunca recebeu afeto, amor do pai famoso. Também confessou que processou o próprio pai alegando abandono afetivo, mas perdeu: “Ele não quer ser meu pai. Eu perdi o processo e deixei quieto, não quis mais mexer nessa ferida“, confessou.

Brigas familiares por herança, abando ou reconhecimento são bastante comuns no meio das celebridades e nem sempre acabam tão bem assim ou o caso acaba se arrastando durante anos na justiça. Fátima Sampaio, esposa de Cid, confessou que quando começou o relacionamento com o apresentador, Roger ainda não era o filho adotivo do casal, isso em 2000. “Cheguei na vida do Cid em 2000, nos conhecemos no Ceará e esse moço estava com ele, ainda não era adotado. Já era um moço adulto e fazia dois anos que ele [Cid] havia se separado da tia desse rapaz — ele é adotado pelo Cid e pela tia. Não é uma questão para eu julgar o porquê fizeram isso. Ele já era adulto. O Cid conheceu ele e os dois irmãos e ajudaram a mãe e o pai dele a se instalarem aqui. Cid ajudou ele a montar uma loja no Leblon, porque era isso que ele fazia no Sul. Ele voltou ao Rio Grande do Sul e o Roger voltou algumas vezes para cá na adolescência dele”, esclareceu a esposa.

Cid Moreira e Fátima Sampaio sempre tiveram uma vida discreta dos holofotes. Algo muito raro ver o nome de Cid envolvido em alguma confusão na imprensa. O caso grave aconteceu apenas este ano.

Publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio