Fábio Porchat comenta sobre fama de gay

Publicadohá pouco tempo
Publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

O comediante Fábio Porchat foi o convidado especial da edição de julho da “Playboy”.

Na entrevista, Porchat comentou sobre a sua sexualidade, religião e assédio dos fãs. O humorista negou que seja homossexual e criticou a mídia.

Continua depois da publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

“Você já reparou que de quem é gay mesmo as pessoas não falam?”, disse. “Eu nunca vi um boato dizendo que o Marco Nanini era gay, ou um rumor falando que o Luiz Fernando Guimarães é gay. De quem é gay mesmo as pessoas não falam. Acho isso curioso…”, emendou. No entanto, Porchat diz que a questão da homossexualidade deveria ser tratada com mais normalidade.

SIGA-NOS: @BabadosFamos0s

O ator ainda revela que a sua popularidade não interfere na vida sexual.

“Com o comediante é diferente. A realidade é que ninguém quer dar para o comediante, ele é o amigão que te conta uma piada”, declarou. “Você pode ver que, depois do espetáculo, fica muita mulher para tirar foto, mas é mulher casada que veio com o marido”, analisou.

Na mesma entrevista, Fábio Porchat falou sobre as religiõe e revelou que gosta de abordar em suas esquetes. “Para mim tudo isso [as religiões] é uma junção de coisas, de lendas e de histórias, que eram uma forma de ensinar as pessoas. E são lendas bacanas”, afirmou.

“Você não discute nada por causa da religião! Não discute nem droga direito, pelo amor de Deus! Da homossexualidade você não pode falar, não pode falar sobre casamento gay. Olha o atraso!”, completou.

Publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio