Faustão abre o jogo sobre mágoa da Globo após fim do contrato

De volta à Band, apresentador fala pela primeira vez sobre saída do canal carioca

Publicado em 12/01/2022 09:24
Publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

Faustão abriu o jogo pela primeira vez sobre sua saída da Globo após mais de 30 anos. Em entrevista ao podcast ‘Rap 77’, o apresentador afirmou que não possui mágoa pela emissora carioca, e que o caso está superado.

“Isso aí é uma coisa normal [a saída]. Não posso falar nada. Fiquei num lugar por 33 anos. Fui muito feliz lá. Consegui trabalhar com gente como o Boni, foi o melhor presente que a vida me deu. Daniel Filho, Carlos Manga, Paulo Ubiratan… Trabalhei com gente que fez a televisão brasileira mesmo. Durante 33 anos”, disse ele.

Publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

Faustão ainda confessou que assinou seu retorno à Band enquanto ainda estava no ar na Platinada com o Domingão. Sua saída aconteceu de forma repentina, antes do previsto – inicialmente para o fim de 2021. No bate-papo, o comunicador afirmou que compreende a decisão da emissora em retirá-lo do ar.

“A partir do momento que eu me antecipei em dizer que ia voltar para a Band, é claro que eles não iam me deixar na vitrine. Não tem problema nenhum. Página virada e olhar para a frente”, afirmou o marido de Luciana Cardoso. Ele declarou ter selado seu retorno à emissora paulista após pedido de Jhonny Saad, presidente do canal.

“Eles precisavam de uma programação. Falei ‘olha, eu, depois de velho, vão me inventar essa história’. Eu estava numa praia que era a minha praia há bastante tempo, que era o domingo”, disse Faustão. “Para fazer o mesmo tipo de programa, não vale a pena. Vamos tentar fazer um programa diferente por dia. E é o que a gente vai tentar fazer. E, principalmente, levar alegria e otimismo”, finalizou.

VEJA MAIS: Saiba quem é Anne Lottermann, jornalista que deixou a Globo para trabalhar com Faustão

Publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio