Briga familiar

Filho de Zagallo fala sobre briga por herança do ex-técnico

Ex-técnico morreu no inicio de janeiro

Publicado em 25/01/2024 16:57
Publicidade

A herança deixada pelo ex-jogador e treinador de futebol Mário Jorge Lobo Zagallo, que faleceu em 5 de janeiro, tornou-se palco de uma intensa disputa familiar. O testamento revela que Zagallo destinou a maior parte de seus bens ao filho caçula, Mário César, expressando profundo descontentamento com os outros três herdeiros.

Em entrevista ao Estadão, Mário César revelou que a discordância com os irmãos perdurava há sete anos, destacando que foi ele quem cuidou do pai durante esse período e acusando os demais de tentarem aparecer agora. “Eles (os irmãos) estão querendo aparecer após sete anos. Fui eu quem cuidou do meu pai esse tempo todo. Tem um documento assinado pelo meu pai dizendo que não queria a visita deles nas internações”, falou.

Publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

Veja também: Família de Zagallo briga na Justiça por causa de testamento

O testamento especifica que Mário César receberá 62,5% da herança, enquanto os outros três filhos compartilham os 37,5% restantes. Zagallo manifestou tristeza e mágoa em relação aos demais herdeiros, conforme mencionado no documento. Apesar do desejo do pai de não destinar parte da herança aos outros filhos, a lei estabelece que pelo menos 50% seja partilhado entre todos os herdeiros necessários.

Mário César também citou uma entrevista anterior de Zagallo como prova do relacionamento próximo entre pai e filho, ressaltando que o ex-técnico expressou sua dependência e gratidão ao caçula. A complexidade da situação revela não apenas questões financeiras, mas também tensões familiares que envolvem as últimas vontades do renomado tetracampeão.

Publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio