Giulia Be e Rômulo Arantes Neto viajam juntos a Paris após beijo em aeroporto

Suposto casal surgiu na mesma vista de hotel

Publicado em 08/09/2021 10:07
Publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

Depois de serem flagrados aos beijos por um paparazzo no aeroporto de Guarulhos, em São Paulo, Giulia Be, 22 anos, e Rômulo Arantes Neto, 34, viajaram juntos para Paris. Apesar de ainda não terem assumido um possível namoro, os famosos compartilharam fotos nesta terça-feira (7) em que é possível ver a Torre Eiffel, na vista da mesma varanda de um hotel.

Antes de chegarem na França, Giulia e Rômulo compartilharam stories separados. Eles não falam sobre o suposto relacionamento publicamente. A assessoria da cantora foi procurada pela revista Quem, mas disseram que não se pronunciariam sobre o assunto.

Publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

LEIA MAIS: Larissa Manoela ‘foge’ de situação envolvendo o ex, João Guilherme, Jade Picon e Neymar

Os vídeos, compartilhados nos stories, mostram que foram compartilhados no mesmo dia, durante a luz do sol. Anteriormente, Giulia compartilhou um outro momento em que anuncia suas férias. Rômulo também divulgou o vídeo.

Giulia Be e Rômulo Arantes Neto compartilham vídeo de mesmo hotel – (Foto: Reprodução/Instagram Stories)

Quanto custa viajar para Paris?

Em média, uma viagem para Paris pode custar R$ 3.500 por pessoa (o pacote), sendo voo e hotel. Há opções com valores mais altos, que podem custar de R$ 4 mil a R$ 5 mil. Além disso, podem haver custos adicionais como alimentação e seguro viagem, fazendo com que os valores subam.

Com passeio e transporte na cidade, durante uma semana de viagem, por exemplo, o valor pode chegar a R$ 9 mil. Os valores na França são medidos em euros. Hoje, um euro equivale a aproximadamente R$ 6,17.

Como é viver na França

Segundo o site Quero Viajar Mais, é um país seguro para se viver e que oferece qualidade de vida aos seus moradores, em comparação ao Brasil. Mas, Paris não é a única cidade interessante do país, já que existem outras. No norte e sul do país, existem locais interessantes para viver, que oferecem boa estrutura e um custo de vida menor do que é ofertado na capital.

Na Europa também existem outros países bons para se viver. Finlândia, Suécia, Alemanha e Suíça entram na lista dos “melhores países para se viver em 2021 com qualidade de vida”. As informações foram publicadas no site Euro Dicas.

Publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio