Investigação da morte de Marília Mendonça continua suspensa pela polícia após 6 meses

Cantora sertaneja morreu vítima de acidente de avião, em novembro de 2021

Publicado em 05/05/2022 10:13
Publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

O acidente que tirou a vida da cantora Marília Mendonça e outras quatro pessoas completou seis meses nesta quinta-feira (5), com a investigação policial sobre o caso completamente suspensa pela Polícia Civil de Minas Gerais. A pausa ocorreu em virtude de um conflito judicial sobre quais órgãos seriam responsáveis pelo caso em questão.

De acordo com informações do portal R7, no início desta semana, o STJ (Superior Tribunal de Justiça) definiu que a Justiça Estadual em Minas deve ficar à frente. Apesar disto, a investigação policial necessária sequer foi retomada. O inquérito possui objetivo de identificar uma possível responsabilidade pela tragédia aérea.

Publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

+ Mãe de Marília Mendonça mostra vídeo de sósia da filha para Leo: “disse que é a mamãe”

Seis meses após a morte de Marília Mendonça, a causa do acidente ainda não foi esclarecida, e a investigação responsável pelo esclarecimento ficou a mando do Cenipa (Centro de Investigação e Prevenção de Acidentes Aeronáuticos), órgão da Força Aérea Brasileira, que, inclusive, argumentou que o trabalho continua em processo.

Relembre o acidente

Marília Mendonça morreu após embarcar em um avião de pequeno porte bimotor, no dia 5 de novembro. A aeronave caiu em uma cachoeira localizada em Piedade de Caratinga, interior de Minas Gerais, e bateu em um cabo de energia. Além da cantora sertaneja, estavam seu produtor, Henrique Brasil, o tio e assessor Abicieli Silveira Dias Filho, piloto e co-piloto, que não resistiram.

VEJA MAIS: Pai de Cristiano Araújo e mãe de Marília Mendonça se encontram: “dois corações machucados”

Publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio