Irmã de Ivete Sangalo fala de ‘mágoa’ e relembra acusações contra o irmão, Jesus

Publicado há um ano
Por Paulo Henrique Lima
Publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

Monica San Galo, irmã de Ivete Sangalo, recorreu às redes sociais para desabafar sobre a morte do irmão, Jesus Sangalo, e relembrou as acusações contra o empresário de que ele teria desviado dinheiro de Ivete, quando comandava a Caco de Telha, empresa que cuidava da carreira da cantora. No desabafo, Monica deu a entender que o irmão morreu por conta de doenças provocadas pela mágoa. 

“Há várias formas de morrer. Algumas suaves, outras nem tanto. Pode-se morrer de mágoa, que se disfarça em doenças de mil nomes. Por causa da tristeza a pessoa vai perdendo a vontade, vai cultivando a esperança vã de um dia, quem sabe, aquela dor passe, mas nunca passa”, iniciou. 

Continua depois da publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

“Jesus foi acusado de ser ladrão. Que lástima… Nunca uma acusação foi tão vazia. Todo o seu trabalho foi passado por auditoria. Tudo foi posto em pratos limpos”, disse Monica, que por fim falou sobre a força do irmão em trabalhar para conquistar tudo que possuiu em vida. 

“Quem ergue um império como o que ele ergueu, com talento, alegria, lucidez, perseverança, criatividade, alguma brabeza, errando e acertando, aprendendo e ensinando, pelo puro prazer de realizar, não precisa tirar nada de ninguém. Basta apenas receber os aplausos merecidos. E eu o aplaudirei enquanto viver”, concluiu. 

Publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio