João Figueiredo se defende após acusação de ter feito suposto ‘sinal satânico’

Marido de Sasha Meneghel justifica simbologia e rebate ataques

Publicadohá pouco tempo
Publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

Nesta sexta-feira (14), João Figueiredo usou as redes sociais e se pronunciou sobre algumas críticas que recebeu ao ter compartilhado uma foto fazendo um sinal com a mão que teria sido associado a um símbolo “satânico”.

O cantor gospel, que se casou com Sasha Meneghel recentemente, se defendeu e negou as teorias. “Tem gente falando que é sinal de satanista. Ainda, ainda. Em 2021 as pessoas ainda acham isso. Complicado, né?”, desabafou, por meio do Stories do Instagram.

Continua depois da publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

Em resposta a um seguidor, João Figueiredo negou que o gesto teria sido algum tipo de ‘provocação’. “Quem se escandaliza com um sinal só pode ser fraco na fé mesmo. Porque se fosse forte, estaria amando ao próximo, curando enfermos, e não preocupado com a minha foto”, respondeu. Por fim, o famoso trouxe uma explicação mais detalhada feita por uma seguidora e anexou.

VEJA MAIS: Carla Diaz reage após ter fotos sensuais vazadas por paparazzo

João Figueiredo (Foto: Reprodução/Instagram)

João Figueiredo e Sasha Meneghel se casaram, e nas redes sociais, a filha da apresentadora Xuxa vibrou ao ter divulgado seu mais novo nome completo, acrescentado com o sobrenome do companheiro.

Publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio