Juliette diz que se sentiu ‘analfabeta’ dentro da casa do BBB21: “Não me escutavam”

Publicadohá pouco tempo
Publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

A campeã do BBB21, Juliette Freire, concedeu uma entrevista a um podcast do Gshow e falou sobre a sua trajetória dentro do reality show.

A advogada e maquiadora revelou que se sentiu uma ‘analfabeta’ nas primeiras semanas do jogo, quando não conseguiam lhe ouvir.

Continua depois da publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

“Eu me senti analfabeta. E, ali dentro, eu me envergonhei, sim. Eu não me sentia inteligente, nem preparada para enfrentar aqueles conflitos. Eu era questionada e não conseguia me comunicar. Parecia outro idioma. As pessoas não queriam ou não me escutavam”, disse ela.

“Eu, quando era criança, a minha mãe não sabia ler, escrever, falava errado. Eu venho de uma família pobre, venho de uma família pobre. Agora não, porque agora eu sou milionária. Então, eu me envergonhava, sim, quando era criança, porque ela não sabia ler. Eu não tinha dimensão da força dela e que ela fez com o que tinha. Tirou leite de pedra. Então, quando eu gritei ali ‘mãe, eu sou você’, porque era isso que acontecia. Eu me envergonhei de mim, como, talvez, eu sentia essa vergonha dela, talvez como eu tenha sentido. Mas depois que tomei consciência, vi que ela era uma guerreira, essa vergonha não é nem 1% do orgulho que eu tenho e da resistência que ela é”, contou.

Juliette Freire. (Foto: Reprodução/Instagram)

VEJA TAMBÉM: Juliana Caetano surge com biquíni minúsculo e se lambuza com pirulito: “Gostosa”

Publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio