Juliette rasga o verbo contra Bolsonaro por veto a distribuição de absorventes

Cantora e campeã do 'BBB21' lamentou medida do poder executivo

Publicado em 08/10/2021 14:36
Publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

Juliette usou as redes sociais nesta quinta-feira (7) e rasgou o verbo acerca da decisão do presidente Jair Bolsonaro (sem partido), pelo veto da distribuição gratuita de absorventes a população de baixa renda.

Em sua conta do Twitter, a cantora e campeã do BBB21 criticou a decisão do político, e enfatizou que existem cidadãos que não possuem condições de arcar com o custeamento de um item de higiene básico no país.

Publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

“Quando pessoas que menstruam não têm acesso a absorvente? Elas não têm acesso à saúde, à educação e a ter sua dignidade enquanto ser humano”, iniciou ela. “Cobremos que o veto do presidente seja BARRADO. Em um país feito para todos, pobreza menstrual deve ser tratada com seriedade”, disparou Juliette.

Além da ex-BBB, nomes como Ludmilla e Cátia Fonseca também não se calaram e se revoltaram acerca da medida levantada pelo poder executivo. Ele vetou a distribuição de absorventes para pessoas de baixa renda, de acordo com o Projeto de Lei 4968, de 2019, aprovado pela Câmara dos Deputados e Senado Federal.

Críticas

Sempre bem posicionada, Juliette abriu o coração em entrevista para a revista Glamour, e afirmou que não se sente preparada para lidar com o ‘cancelamento’ nas rede sociais.

“Até comentei que não estou preparada para o cancelamento, sou muito sensível. Até agora recebi muito amor, quase nada de hate. A pouca experiência que tive já me machucou”, desabafou.

VEJA MAIS: Antonia Fontenelle critica Juliette após ex-BBB querer virar atriz

Publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio