Leão Lobo diz ter se sentido culpado por estupro coletivo do qual foi vítima aos 16 anos

Publicado há 3 anos
Por Álvaro Penerotti
Publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

Aproveitando que o debate sobre abuso sexual se tornou algo frequente nos últimos dias, Leão Lobo relembrou um estupro coletivo do qual foi vítima aos 16 anos de idade.

Em entrevista à Revista Veja, o apresentador narrou como aconteceu o fato.

Continua depois da publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

Veja também: Polêmica! Após Leão Lobo comemorar aposentadoria de Aguinaldo Silva, autor se irrita e alfineta: “Foca fofoqueira”

“Eu fui achando que ia ficar só com ele. Mas quando cheguei, tinha mais quatro. Me trancaram lá dentro, pregaram a porta. Fizeram de tudo comigo, usaram garrafas em mim. Eu achava que ia morrer”, disse Leão.

Segundo o apresentador do Fofocalizando, do SBT, o ato fez com que ele se sentisse culpado, assim como ocorre com a maioria das vítimas.

“Me senti culpado, estava no início da minha vida sexual, era muito novinho. Achei que tinha culpa por ter flertado e aceitado ir com o cara que me levou para a casa onde fui estuprado. Eu me senti muito culpado na época, por ser homossexual, por achar que eu estava errado”, completou, dizendo ser difícil relembrar o episódio.

Publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio