Leo Dias abre o jogo sobre relação conturbada com Anitta

Jornalista relembrou a polêmica com a cantora

Publicado em 10/8/2021
Publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

O jornalista Leo Dias quebrou o silêncio e decidiu falar sobre sua relação conturbada com a cantora Anitta. Antes parceiros e amigos, hoje em dia os dois não tem mais contato, após uma briga grandiosa nas redes sociais, com direito a prints e gravações de conversas.

O colunista do Portal Metrópoles participou do canal YouTubePida! Oficial e contou que era usado pela cantora e que hoje está bem melhor afastado dela.

Continua depois da publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

Acho que a minha vida está muito melhor sem ela. Lamento muitas atitudes minhas da vida, e acho que o meu comportamento por conta da droga era uma certa obsessão [por Anitta]. Fui muito usado. Me fez hoje em dia discernir sabe. ‘Hum, por que a pessoa tenta me procurar? Por que me agrada tanto? Por que me chama tanto? Era uma relação doentia. E eu não culpo ela não, a culpa foi minha”, disse ele no papo.

E continuou: “Hoje as pessoas me veem mais como um jornalista, menos como um fã, [eu] parecia um fã [da Anitta]. É triste, é lamentável, peço desculpas ao público, a ela”, lamentou ele.

Leo Dias fala sobre amizades de Anitta

O jornalista aproveitou a oportunidade e falou sobre as amizades de Anitta. Ele afirma que a cantora ‘usa’ as pessoas, citando Jojo Todynho, mas diz ser grato à ela.

“Eu não tenho nenhum impedimento legal de falar sobre ela, embora eu não gostaria de falar. Isso é o que eu penso: as pessoas entram e saem da vida dela [Anitta] com muita rapidez e muita facilidade. Quando as pessoas não tem mais utilidade, ela dispensa, e a Jojo acho que sabia disso, percebia isso. Obviamente, assim como eu, a Jojo tem que ser grata a ela, eu sou grato a Anitta, ela me ajudou muito, mas é um jogo de interesse. E uma hora esse jogo é desinteressante para uma das partes, e aí beijo, tchau e segue sua vida”, disse ele.

E acrescentou: “Eu não costumo chamar de amigo quem não é, e eu não trato as pessoas como algo descartável, e assim deveria ser, mas nem todo mundo pensa como eu. A vida é um jogo. Eram duas peças, e em determinado momento não ficou interessante, e cada um seguiu seu caminho”.

VEJA TAMBÉM: Xuxa Meneghel abre novo processo contra Sikêra Jr

Publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio