Luciana Gimenez abre o jogo sobre ‘relação’ com Bolsonaro: “eu não tenho partido político”

Bolsonaro já cedeu diversas entrevistas ao Superpop, ao longo da carreira política

Publicado em 28/02/2022 12:33
Publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

Luciana Gimenez abriu o jogo sobre sua relação com Jair Bolsonaro e declarou que é apenas para trabalho, assim como qualquer outra pessoa que tenha sido entrevistada por ela. A apresentadora do Superpop, afirmou que, não possui um partido político.

Em entrevista à Daniel Palomares, do Splash, Luciana falou sobre as diversas participações que o atual presidente Jair Bolsonaro, fez em seu programa enquanto ainda era deputado federal. Questionada se as entrevistas o ajudaram a se eleger, a apresentadora declarou que se ajudou, não tem a ver com ela.

Publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

Veja mais: Após desistir do BBB22, Tiago Abravanel tem reencontro emocionante com marido

“Eu não tenho partido político”

“O Bolsonaro era só um personagem, como a Gretchen”, explicou Luciana, afirmando que suas entrevistas com políticos era a igual de qualquer personalidade. “Eu não tenho partido político. Sou só apresentadora de televisão. Se ele ganhou ou não depois, aí já não é comigo. Somos um programa de TV e só. Não tenho nada a ver com o Bolsonaro, nada a ver com política”, acrescentou.

Falando sobre trabalho, Luciana Gimenez contou sua vontade de mudar de emissora e tentar algo novo, como ser atriz ou ir para o streaming. Segundo a apresentadora, quer coisas que lhe tire da ‘zona de conforto’.

“Poderia apresentar programas em inglês, francês, italiano. Falar três línguas me coloca na frente de muitas outras pessoas da área, algo que acho que não está sendo aproveitado. Levar o nome do Brasil para fora como a Anitta”, afirmou.

Publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio