Marlene Mattos acusa Xuxa de calúnia e faz boletim de ocorrência

Diretora esteve em delegacia no Rio, segundo colunista

Publicadohá pouco tempo
Publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

Xuxa Meneghel, apresentadora de 58 anos, está sendo acusada de calúnia por sua ex-empresária e diretora, Marlene Mattos, com quem trabalhou por 20 anos na TV Globo. O motivo seria a entrevista que a ‘rainha do baixinhos’ deu para a revista Veja, em janeiro deste ano, em que a famosa diz que “poderia ser duas ou três vezes mais rica” e que “foi enganada, usada, roubada e manipulada”.

“Quando falo disso, vem logo a imagem da Marlene, mas não foi só ela. Insisto em dizer que confiei demais em todas as pessoas próximas à mim. Fui passada para trás por coreógrafo, maquiador, fotógrafo. Digo, sem vergonha, que fui inocente, boba, burra mesmo”, declarou a ex-apresentadora da Record TV para a Veja, na época em que deu a entrevista para a revista.

Continua depois da publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

LEIA MAIS: Giulia Costa mostra beleza em look de grife e corpaço impressiona

+ Maluma surge sem camisa e ostenta ‘bração’ após tomar vacina

De acordo com informações do colunista Ancelmo Goes, do jornal O Globo, Marlene esteve na 42ª DP do Rio de Janeiro para fazer um boletim contra a apresentadora, citando o trecho da entrevista dada por Xuxa. Além disso, no final de março, a acusação foi levada ao 9º Juizado Especial Criminal, do Tribunal de Justiça do Rio.

Procurada pelo Observatório dos Famosos, a assessoria de Xuxa disse que não comenta notas jurídicas.

Há algum tempo, Marlene falou sobre o fim da parceria com Xuxa, em entrevista para a revista Quem. A diretora disse que “foi honesta” ao encerrar o contato com a apresentadora e que não pensa em voltar a falar com a famosa. “Mas como dizem que todo encontro tem um propósito e que os desencontros fazem parte dos encontros, o tempo vai dizer se tudo isso tem sentido. Tudo passa”, disse Marlene, na ocasião.

Publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio