Morre Cristiana Lôbo, jornalista da Globo, vítima de câncer

Jornalista de 63 anos estava internada para tratar uma pneumonia, em São Paulo

Publicado em 11/11/2021 10:21
Publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

A jornalista Cristiana Lôbo morreu nesta quinta-feira (11), aos 63 anos, em São Paulo, vítima de câncerum mieloma múltiplo, que se agravou em virtude de uma pneumonia que ela contraiu nos últimos dias, segundo informações confirmadas pelo G1.

Contratada da GloboNews, ela atuava como colunista de política, e estava internada no Hospital Albert Einstein, onde tratava da doença há alguns anos. No final do ano passado, a profissional foi afastada das atividades no canal de notícias para se dedicar exclusivamente ao tratamento.

Publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

Cristiana Lôbo trabalhou com jornalismo durante mais de 30 anos. Contratada pelo jornal O Globo no final da década de 1970, ela teve passagens pelo jornal Folha de S. Paulo, e em 1997 fez sua estreia na televisão, na GloboNews, sendo integrante do time de comentaristas do Jornal das Dez.

Inclusive, por volta do mês de agosto, Aline Midlej, âncora do noticiário, promoveu homenagem à colega de trabalho, assim como os demais comentaristas, na expectativa pela melhora da jornalista. A apresentadora classificou Cristiana como “a pessoa com maior capacidade de elegância jornalística”.

O que é mieloma múltiplo?

Cristiana Lôobo enfrentava um câncer nas células plasmáticas. A doença se constitui em um tipo de câncer de células da medula óssea chamadas de plasmócitos, responsáveis pela produção de anticorpos que combatem vírus e bactérias.

Dentre os sintomas, inclui-se perda de apetite, dor nos ossos e febre, ou até mesmo não haver sintomas em alguns casos. A doença não possui cura, mas existe tratamentos que podem ser feitos através de medicamentos, quimioterapia, radioterapia ou um transplante de células-tronco.

VEJA MAIS: Confira 11 atores de ‘Amor com Amor se Paga’ que já morreram

Publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio