Reynaldo Gianecchini e Marília Gabriela recordam época em que foram casados

O ator e a apresentadora viveram um relacionamento de 1999 a 2006

Publicado há uma hora
Por Luan Henrique
Publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

Reynaldo Gianecchini e Marília Gabriela, recordaram durante uma entrevista para o canal de Theodoro Cochrane, filho da apresentadora, momentos da época em que foram casados (1999 a 2006). Durante o bate-papo, os famosos falaram sobre o relacionamento e outros assuntos como beleza, nudez e trabalho.

Marília e Gianecchine relembraram o primeiro encontro que tiveram em 1999, num quarto de hotel em Paris. “Na hora que eu abri a porta, ele olhou pra mim, eu olhei pra ele, e a gente começou a rir. Sentamos e começamos a conversar e, de repente, a gente estava conversando mais entre nós. A partir dessa noite a gente grudou”, contou a jornalista.

Continua depois da publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

Sobre as cenas quentes de Gianecchini com Vera Fischer em ‘Laços de Família’ a jornalista afirmou que não se incomodava. “A gente era um casal tão amigo que ele chegava e contava, sabe? Contava da estranheza e depois sobre como ficou. A gente conversava sobre tudo o que acontecia.”, disse ela.

No entanto, Marília não escondeu seu incômodo com o assédio que o ator recebia por ter se tornado um ‘galã’ e também as ofensas e ataques que ela vivenciou. “As meninas muito jovens começaram a me ofender, a escrever coisas. Era o começo da comunicação pela internet. Não foi legal.”, lamentou Marília.

Gianecchini, então, recordou o apoio que recebeu da jornalista em meio a tanto furor e assédio. “O que tenho que dizer é que você foi fundamental na minha estreia na televisão. Só não pirei por sua causa. Você me pegou e me amparou tanto. Você me deu apoio emocional, afetivo, de falar, ó: “Temos uma estrutura aqui. ‘Vamos nos segurar’. A fase do nosso casamento está num lugar tão especial do meu coração. Eu acho que nunca tive uma fase tão estável emocionalmente. Parecia um conto de fadas. Eu nunca mais tive aquela estabilidade emocional.”, revelou o ator.

Sobre as cenas de nudez, Reynaldo disse que adora quando isso ajuda a ‘contar a história’. “Adoro quando a nudez ajuda a contar a história. Todo mundo acho que gosta de ver uma coisa bela, sensual.. A sensualidade, como a beleza, mexe com nossos instintos. Em todos os sentidos acho maravilhoso. Quando é só pela exposição é desnecessário. O nu dependendo do contexto é maravilhoso. E em outro parece uma apelação.”, opinou ele.

Sobre o fim do relacionamento há 14 anos, o ator disse que o rompimento se deu porque ambos seguiram caminhos opostos. “Quando a gente terminou, não era por falta de amor. Isso ficou muito claro. No dia da separação, a gente chorou muito, se amparou. Eu senti que tinham caminhos que pareciam estar gritando para lados diferentes. Eu poderia ficar casado a vida inteira, tenho certeza disso, mas um lado meu sabia que eu precisava sair daquele ‘castelinho’.”, contou Gianecchini.

Confira a entrevista na íntegra:

VEJA MAIS: Reynaldo Gianecchini faz revelação sobre sexualidade: “Já tive romances com homens”

Publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio