Silvero Pereira desabafa sobre homofobia: “Me chamavam de nojento”

Publicado há 7 meses
Por Paulo Henrique Lima
Publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

Silvero Pereira posou conceito de perfil para falar sobre LGBTfobia, no Dia Internacional contra a LGBTfobia, que acontece todo dia 17 de maio, há 30 anos.

O ator, que brilhou na novela A Força do Querer, da Globo, relatou que sofreu homofobia quando ainda criança. Em desabafo, Silvero falou apenas alguns insultos que sofreu.

Continua depois da publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

Veja mais: Silvero Pereira faz reflexão após famosos assumirem relacionamentos gays: “Tempo de respeitar e se orgulhar”

“Eu descobri a LGBTIFOBIA quando eu andava pela rua, ainda criança, e me chamavam de bixa, viadinho, mariquinha, frango, balde, mulherzinha, nojento, doente… Eu não entendia porque! Só sabia que doía, na verdade, MACHUCAVA MUITO!”, desabafou.

Ano passado, Silvero elevou a temperatura da web ao posar completamente nu em um quarto de hotel. O famoso cobriu a fronte apenas com uma toalha branca e exibiu parte do bumbum.

Publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio