Gabriela Duarte diz que recebeu ameaças após mãe entrar para a política

Atriz falou sobre os impactos em sua vida após os pronunciamentos da mãe

Publicadohá pouco tempo
Publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

Gabriela Duarte, atriz de 47 anos, acabou recebendo críticas em sua vida após a mãe, Regina Duarte, entrar na política. Em entrevista para o programa ‘Conversa com Bial’, da TV Globo, a famosa disse que sentiu uma diferença na maneira que é tratada pelos colegas de profissão, após sua mãe dizer que tinha medo do PT vencer nas urnas, em 2002.

“Acho que houve uma mudança na forma de olhar sobre como ela se posicionou […] Me sinto muito pouco na posição de fazer esse julgamento. Uma coisa posso afirmar, nós somos muito diferentes realmente”, comentou Gabriela.

Continua depois da publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

LEIA MAIS: BBB21: Gil dispara antes de dormir: “Quero dar o furico”

+ BBB21: Fiuk reclama de abstinência sexual no reality: “Acordei passando mal”

“Eu entendo que exista uma associação, até mesmo pelo trabalho. É uma coisa que eu poderia ter feito o movimento de separação antes, talvez me expondo mais”, destacou a famosa. Em 2020, Regina assumiu a Secretaria de Cultura do governo de Bolsonaro. A atriz disse que a decisão da mãe não foi discutida com a família.

“Ela fez um comunicado. Era um desafio que ela queria agarrar. Não tem que consultar os filhos e a família, tem que se comunicar. A partir disso, eu voltei para o meu lugar de filha. Eu não sou uma boa consultora, e não seria para ela”, disse. Gabriela ainda contou que o público pedia para que ela se posicionasse sobre a posição da mãe.

+ MC Mirella sensualiza com look justinho e corpaço destaca clique: “Poderosa”

“Não somos a mesma pessoa. Esse momento foi muito forte. Primeiro por pessoas que não tinham tanta relação comigo, mas me apoiaram muito. Essas pessoas realmente entenderam essa questão”, disse a artista. “Foi um período muito difícil. Já não bastasse estar no período da pandemia, e ainda ter que lidar com isso. Recebi muitas ameaças, isso nunca me passou pela cabeça que seria possível. Tenho tudo documentado, mas é bizarro”, destacou Gabriela.

Publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio