Rita Cadillac
Rita Cadillac (FOTO: Reprodução/Instagram)

A ex-Chacrete Rita Cadillac esteve no programa do Superpop, na última quarta-feira (3). Ela falou sobre diversos assuntos polêmicos, como a época que se prostituiu e os filmes pornôs que fez.

Luciana Gimenez questionou se Rita já tinha feito programa. “Rita Cadillac, não. Mas a Rita de Cássia, foi. Por muito pouco tempo, quando me separei do pai do meu filho, minha avó tinha falecido e eu não tinha ninguém no mundo. (…) E tinha um filho embaixo do braço”, disse a famosa, que tinha apenas 18 anos na época. “Uma amiga minha me explicou e eu disse: ‘Tudo bem’. No primeiro dia foi péssimo. Foi terrível, chorei. A pessoa acabou me dando o dinheiro mesmo sem ter nada comigo e, por incrível que pareça, acabou se tornando amigo meu, depois”, falou a ex-participante de ‘A Fazenda’.

“Eu não tenho razão de mentir, não tenho vergonha de mim. Tenho muito orgulho, porque de uma pessoa que veio do nada, sem família, teve que se virar e criar um filho. Meu filho tem orgulho de mim, minha neta tem orgulho de mim. Meus amigos tem orgulho de mim, porque sempre fui muito honesta. Nunca menti, nunca fiz nada para pisar em alguém, nunca fiz nada para passar por cima ou para ter vantagem“, declarou ainda.


Sobre os filmes eróticos, ela contou: “Foi muito difícil para mim. Por eu ser uma pessoa do jeito que sou, todo mundo imagina que sou uma louca desvairada e que já aprontei muitas coisas. Quem me conhece, sabe que não sou nada disso. Eu sou mãe, romântica, adoto filhotes. Na época eu fiz [os filmes] porque precisava muito. Eu comprei minha casa com esse dinheiro, ajudei o meu filho. Não foram milhões, não ganhei milhões como as pessoas imaginam, mas eu ganhei o suficiente”, explicou.

Ela ainda admitiu que sentiu vergonha. “Tinha, de mim. Doía para mim, no meu corpo. Não exatamente fisicamente, mas em mim. Era contra tudo o que pensei em fazer na vida, mas fiz”, falou a famosa, que já admitiu ter ficado quatro anos sem sexo.