Filho de Arlindo Cruz fala sobre novo tratamento do pai: “Respondendo bastante”

Cantor celebrou os avanços do tratamento

Publicado em 24/11/2021 16:01
Publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

Arlindinho, filho do sambista Arlindo Cruz, contou aos fãs nesta quarta-feira(24), que o pai está em um novo tratamento. O cantor está em recuperação médica desde o ano de 2017, quando sofreu um AVC (Acidente Vascular Cerebral).

Em uma participação no Encontro com Fátima Bernardes, da TV Globo, ele contou que o pai está reagindo muito bem aos novos tratamentos.

Publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

“Respondendo bastante”

“Ele está assistindo a gente, está melhor. Está fazendo tratamento novo e respondendo bastante. Cada tratamento novo que começa é uma esperança nova”, disse ele durante o papo com a apresentadora no matinal.

Arlindinho também falou sobre a pressão de ser filho de Arlindo Cruz, que construiu uma grande trajetória no mundo do samba. “É difícil ser filho de um grande sambista, as comparações acontecem. Meu pai, eu considero ele como o Pelé do Samba. Mas tô aqui, cheguei aos 30”, contou.

Arlindinho. (Foto: Reprodução/Globoplay)

Vício em drogas

Recentemente, Arlindinho abriu o jogo no ‘Cara a Tapa’, do canal do jornalista Rica Perrone, e falou pela primeira vez sobre o vício do pai em drogas. Arlindo Cruz era viciado em cocaína.

“Meu pai estava no melhor momento da vida. Ele estava me lançando, passando bastão. Ele queria que as pessoas me conhecessem como artista. Ele estava há alguns meses sem usar drogas. Ele nunca tinha falado disso porque queria esperar minha irmã crescer. Mas logo que contou, aconteceu tudo isso (o AVC do pai)”, lembra ele.

O cantor revelou que sempre soube do vício do pai. “Eu sempre soube. Ele me contou quando eu tinha 11 anos. Eu peguei aversão a drogas. Trato bem todo mundo, até quem usa. Mas eu não uso. Minha vibe é completamente outra. Um cara tão vencedor, inteligente, amigo, educado. Meu pai só fez mal para ele. Ele fez bem para todo mundo. Nunca tratou ninguém com indiferença. Ele já tinha se tratado algumas vezes, mas nunca tinha conseguido tanto tempo sem usar droga alguma. Meu pai com todas as loucuras dele, teve pensamento com a família. Comprou imóveis, conseguiu minimamente manter a família dele digna“, contou.

VEJA TAMBÉM: Murilo Huff revela planos após a morte de Marília Mendonça: “Levar alegria pra vocês”

Publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio