Pamella Holanda fala de última briga com Dj Ivis: “Ele pegou uma faca”

Influencer falou sobre a agressão do famoso em entrevista ao Fantástico, na Globo

Publicado em 19/7/2021
Publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

Pamella Holanda, que sofreu agressões de DJ Ivis, relatou como foi a última briga com o famoso, após denuncia-lo. Em entrevista para o Fantástico, na Globo, no último domingo (18), a influencer disse que ainda não sabe como será sua vida aqui para frente, além de dizer que, na última briga com o ex-companheiro, ele pegou uma faca na cozinha da casa em que moravam juntos.

“Eu fico pensando: ‘como vai ser minha vida quando eu voltar a viver, porque esses dias não estou vivendo, estou existindo’”, desabafou Pamella. “Quando comecei a morar com ele, ele já começou a me agredir. Começou verbalmente: palavrão, grosserias. Eu estava grávida de cinco para seis meses. Me segurou pelo pescoço e foi me arrastando do corredor até o sofá… Teve outras. Time medo, vergonha, eu tava realizando um sonho, eu tava grávida. Sempre quis ser mãe”, disse Holanda, dizendo como conheceu Ivis, em 2018, e quando engravidou do DJ.

Continua depois da publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

LEIA MAIS: MC Danny diz que está sendo ameaçada por música com DJ Ivis

Certo dia, Pamella foi agredida por Ivis no apartamento do casal, em Fortaleza. A estudante de arquitetura relata como foi a última briga do casal, quando a babá contratada para cuidar da filha de Pamella e do DJ foi demitida por ele. “Desci umas 10h, quase 11h para poder fazer o leite dela e já começou a discutir. A funcionária dele também estava na hora na cozinha. Foi na hora que ele pegou uma faca na gaveta da cozinha. A funcionária dele foi e segurou braço dele”, diz Holanda.

Pamella resolveu buscar ajuda depois da última agressão, que aconteceu na casa do casal em Eusébio, no Ceará. Depois de conseguir uma ajuda de uma vizinha, Pamella foi à Delegacia, mas não denunciou por medo. No dia seguinte, a famosa fez a denúncia e divulgou os vídeos e fotos das agressões nas redes sociais. “Se fosse só a fala dele contra a minha, ninguém ia acreditar. Ele é famoso, conhecido… Ninguém imaginava que era assim. Ele acabava de brigar comigo e saia para o ensaio”, comenta Pamella.

Denuncie agressão contra a mulher

Assim como Pamella, mulheres que sofrem com violência doméstica podem denunciar seus agressores, ligando para o 180 para registrar casos de violência. Além disso, existem lugares especializados para acolher mulheres vítimas de agressão, como a Delegacia de Defesa da Mulher.

“Em briga de marido e mulher, a gente salva a mulher”

Depois do caso de agressão de Pamella Holanda e DJ Ivis vir à tona, diversos internautas e famosos usaram as redes sociais para mostrarem suas indignações. Por meio de publicações em defesa da mulher, muitos levantaram a corrente para que elas sejam acolhidas em caso de agressões vindas de seus companheiros. O “Em briga de marido e mulher, a gente salva a mulher” foi uma frase muito usada nos últimos dias para mostrar apoio à mulheres violentadas.

A frase também vai como uma forma de reparação de uma antiga ideia: ‘Em briga de marido e mulher, ninguém mete a colher’, em que a mulher, por sua vez, deveria ignorar agressões de seus parceiros, algo geralmente dito por pessoas da antiga geração, em uma sociedade machista.

CONFIRA: Defesa de DJ Ivis pede a liberdade do cantor

Publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio