Patrícia Abravanel diz que não sonhava em ser mãe e lembra os dois abortos que sofreu

Publicado há 2 anos
Por Paulo Henrique Lima
Publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

Patrícia Abravanel foi entrevistada por Mariana Kupfer, em seu canal no YouTube, e relembrou o susto que teve ao descobrir que estava grávida de Pedro, seu primeiro filho com o deputado Fábio Farias.

Leia também: Clique raro! Patrícia Abravanel ‘flagra’ Iris Abravanel cuidando dos netinhos

Continua depois da publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

“Eu estava namorando há 5 meses, não conhecia a família do Fabio, e de repente fico grávida. Foi o primeiro susto: ‘Tô grávida, tô com o Fabio há 5 meses’. E logo depois já estou me entregando ao sentimento, sabia que tudo ia dar certo no final. E foi aí também que percebi que queria uma família”, contou.

A filha de Silvio Santos ainda disse que não sonhava em ser mãe. “Não tinha esse sonho. Não era uma coisa que eu ficava imaginando. Aí chegou uma época que eu comecei a querer ter filho. Aí comecei a sonhar em ser mãe. Mas eu já tinha uns 34 anos”.

Veja mais: Patrícia Abravanel faz graça sobre o casamento real, no carro com a família

Ainda na entrevista, a apresentadora relembrou os dois abortos espontâneos que sofreu. “Foi terrível. Fiz cesárea do Pedro, tive que esperar um ano, o médico recomendou. Esperei um ano e comecei a tentar (engravidar novamente). E aí nada, nada. Quando veio, fiquei tão feliz. Duas semanas depois, tive o sangramento. Fiquei deprê, três dias sem sair de casa. Aí tive outro. Perdi dois antes da Jane. Eu enlouqueci, praticamente enlouqueci. Aí fiquei mais ansiosa, vi que não era fácil ter filho. Gravidez é presente de Deus. Eu não fiz nada de errado para perder dois. De repente Deus estava me preparando para dar mais valor ainda”.

Publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio