Sander Mecca, ex-Twister, nega que esteja precisando de ajuda financeira

Cantor teve seu WhatsApp clonado por uma pessoa que estava pedindo dinheiro

Publicado em 08/10/2021 16:36
Publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

Sander Mecca, cantor e ex-integrante do grupo Twister, usou as redes sociais para dizer aos seguidores que seu WhatsApp foi clonado. O famoso ainda disse que alguém está usando o aplicativo para pedir dinheiro, negando que seja ele e que esteja precisando de ajuda financeira das pessoas.

Mecca afirma que não está passando por problemas com dinheiro. Ele vende livros e marmitas de sua marca própria. “Clonaram meu WhatsApp e estão incomodando os meus contatos, pedindo dinheiro. Eu estou bem, não estou precisando de dinheiro. Estou vendendo meu trabalho com o Mecca Goumet e os livros. Não quero dinheiro de ninguém”, disse o cantor.

Publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

LEIA MAIS: Deolane Bezerra manda recado para pessoas que não gostam dela

O artista, que foi preso em 2003 após ser apreendido com substâncias ilícitas, escreveu um livro em que conta sua experiência enquanto estava na cadeia. “O que me fazia ter medo na prisão era rebelião. Tinha suspeita e a cadeia ficava alvoroçada”, diz Sander.

Há algumas semanas, Sander recebeu alta de uma clínica de reabilitação, após ter uma recaída com as drogas. O famoso usou o Instagram para falar sobre a sua internação.

CONFIRA: Grávida, Bárbara Evans comemora ao conseguir ver o filho

Publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio