Zezé Di Camargo é detonado após defender voto impresso em apoio a Bolsonaro

Cantor sertanejo convida público a protesto sobre medida do presidente para as eleições de 2022

Publicado em 27/7/2021
Publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

O cantor Zezé Di Camargo manifestou apoio a implementação do voto impresso, medida defendida pelo presidente Jair Bolsonaro (sem partido) para as eleições. Nas redes sociais, porém, o sertanejo foi criticado pelo vídeo convidando o público a participar de um protesto marcado para o próximo domingo (1).

Na segunda-feira (26), a deputada federal Carla Zambelli (PSL) publicou um vídeo onde o noivo de Graciele Lacerda defendeu o presidente acerca da providência que pode colocar em risco as eleições de 2022.

Continua depois da publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

“Apenas uma meia dúzia de pessoas que vão conferir se a máquina realmente computou seu voto como desejava. É muito estranho as pessoas não quererem isso”, disse Zezé Di Camargo, em vídeo, onde assegurou que a votação em cédulas será descartada.

“Dia 1º de agosto vai ter uma manifestação no Brasil inteiro, para o povo mostrar, principalmente para o Congresso, que o povo quer o voto auditável sim. Eles ficam confundindo a cabeça de vocês, falando que é um retrocesso, que vai voltar lá atrás, não vai voltar nada”, ponderou o cantor sertanejo.

Zezé Di Camargo é detonado após defender voto impresso

Nas redes sociais, alguns internautas criticaram o posicionamento de Zezé Di Camargo, que é apoiador de Bolsonaro desde as eleições de 2018. “A mãe dele deve ter ficado tão feliz no dia que ele saiu de casa”, “Chega de internet”, “O povo quer comida e trabalho meu filho! Impresso só a minha mão na sua cara”, disseram uns.

VEJA MAIS: Ex-cunhada de Zezé Di Camargo acusa Zilu Godoi de suposto calote

Publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio