Andressa Urach (Foto: Reprodução/Instagram)

Andressa Urach criou uma polêmica neste sábado (28), após dizer que a quarentena é um golpe da esquerda brasileira para quebrar a economia. Apesar do texto polêmico, ela fechou os comentários para evitar críticas. Vale lembrar que, não é a primeira vez nesta semana que ela fala sobre o assunto.

“Essa ‘quarenta’ pra mim no Brasil não passa de um golpe de esquerda, que se uniu com uma parte da imprensa, para quebrar ainda mais a economia do Brasil e depois colocar a culpa no presidente”, iniciou a ex-A Fazenda.

“Aonde estão as provas dos atestados de Óbitos por Corona Vírus comprovados?
Não existem!!! Outra coisa, vírus? Sempre vai existir… vamos parar sempre? Aff… Daqui 60 dias ou mais, quando várias empresas estiverem quebradas, o desemprego triplicar e pessoas passando mais fome e mais presídios cheios… vocês vão me dar razão. A aqui no Brasil o tráfico mata mais pessoas que o coronavírus. #PenseNisso”,
afirmou ela.


Com comentários fechados, os internautas comentaram a declaração no Twitter. “Andressa Urach sua opinião foi entregue com sucesso ao departamento ‘Ninguém se importa e não faz diferença sua opinião’ obrigado em breve nunca retornaremos sua chamada” disparou um. “Completamente desnecessária o post dela. A ignorância mata mais que qualquer outra doença”, criticou outro.

Andressa Urach (Foto: Reprodução/Instagram)