Agnaldo Timóteo não resiste à batalha contra Covid-19 e morre aos 84 anos

Cantor romântico atingiu o ápice na carreira na Era de Ouro do Rádio

Publicadohá pouco tempo
Publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

Agnaldo Timóteo, cantor, infelizmente, não resistiu ao Covid-19. Desde o dia 17 de março, o artista se encontrava internado no Hospital Casa São Bernardo, no Rio de Janeiro, no bairro da Barra da Tijuca.

“É com imenso pesar que comunicamos o falecimento do nosso querido e amado Agnaldo Timóteo. Agnaldo Timóteo não resistiu às complicações decorrentes do COVID-19 e faleceu hoje às 10:45 horas. Temos a convicção que Timóteo deu o seu Melhor para vencer essa batalha e a venceu! Agnaldo Timóteo viverá eternamente em nossos corações! A família agradece todo o apoio e profissionalismo da Rede Hospital Casa São Bernardo nessa batalha. A Família informa  que a Corrente de Fé, com pensamentos positivos e orações, permanecerá, em prol de um mundo melhor! #LuzTimóteo!”, diz o comunicado oficial.

Continua depois da publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

Segundo os familiares, Agnaldo tinha tomado as duas doses da vacina contra a Covid-19. “A segunda dose foi aplicada  no dia 15 de março, mas ele começou a apresentar os sinais da doença no dia 16 (de março) e foi internado no dia 17 (de março). Os médicos acreditam que ele tenha se contaminado no intervalo entre a primeira e a segunda dose da vacina”, comentou um familiar.

Agnaldo Timóteo sempre foi um artista polêmico. Fez muito sucesso como cantor nos áureos tempos do rádio e nos anos 80 ingressou na política, se tornado o deputado federal mais votado na história do Rio de Janeiro.

LEIA MAIS: Musa do OnlyFans, Iara Ferreira, coloca cenoura enorme no bumbum e põe ‘fogo’ na web

Publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio