Entenda a polêmica de plágio envolvendo Adele e compositor mineiro

Melodia de clássico de Martinho da Vila teria sido plagiado pela cantora britânica

Publicado em 17/09/2021 17:17
Publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

Ao longo dos últimos dias, o nome do compositor mineiro Toninho Geraes foi associado à premiada cantora britânica Adele e repercutido nas redes sociais. Isso porquê, o responsável por sambas e pagodes de grande sucesso acusou a artista de plagiar ‘Mulheres’, canção composta e eternizada na voz de Martinho da Vila, em 1995.

Entenda a polêmica

O músico reuniu algumas justificativas para assegurar a acusação de que a melodia da música foi usada em ‘Million Years Ago’, faixa do álbum 25, lançado em 2015 – e responsável por diversos recordes de vendas não superados até hoje. A exposição da ação judicial contra a artista foi divulgada pela revista Veja, no último dia 10 de setembro.

Publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

+ 5 vezes que Neymar se envolveu em polêmicas

Segundo a reportagem, foram enviadas duas notificações extrajudiciais para Adele, ao coautor da canção, o norte-americano Greg Kurstin, à gravadora britânica XL Recordings/Beggars Group e ao grupo Sony Music; deles, apenas a última respondeu, alegando que a questão está sendo avaliada pela gravadora e a própria cantora.

“Fiquei estarrecido quando me dei conta. A melodia e a harmonia são iguais. É uma cópia escancarada”, afirmou Toninho Geraes, em conversa com a jornalista Sofia Cerqueira. Na internet, inclusive, montagens que unem as duas canções destacam a semelhança entre as melodias.

Curiosamente, Adele também já foi acusada de plagiar a melodia da canção ‘Acilara Tutunmak’, de 1985, do cantor turco Ahmet Kaya, que morreu em 2000, e usá-la na música que envolveu a nesta confusão com o compositor brasileiro.

VEJA MAIS: 10 famosos que já usaram anabolizantes

Publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio