5 famosos que defenderam Bolsonaro na mídia em 2021

Confira quais foram as celebridades que ainda são apoiadores do atual presidente

Publicado em 01/01/2022 22:00
Publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

A fama de popular de Jair Bolsonaro (sem partido) foi transformada desde que o político assumiu a presidência do país em 2019. Em um ano que antecede as novas eleições, diversas celebridades preferem não manifestar seus posicionamentos políticos. Já outros, se mostraram a favor do governo publicamente.

Em um período atual marcado por uma grande crise de saúde pública, assolada pela Covid-19, além da situação econômica cada vez mais decadente, nós do Observatório dos Famosos reunimos alguns famosos que defenderam Bolsonaro em 2021. Confira abaixo:

Publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

Andressa Urach

A modelo e ex-participante de A Fazenda, afirmou que votou em Bolsonaro nas eleições de 2018 e irá votar novamente numa possível reeleição em 2022. Nas redes sociais, a ex-Miss Bumbum enfatizou seu posicionamento político. “Não sou bolsominion arrependida. Eu sou bolsominion e vou votar nele na próxima eleição. No Lula eu nunca vou votar”, disse.

Andressa Urach (Foto: Reprodução/Instagram/Roque Rodrigues)

Sergio Reis

O cantor convocou uma greve nacional de caminhoneiros para protestar contra os 11 ministros do STF (Supremo Tribunal Federal), e foi recepcionado com ação de busca e apreensão da Polícia Federal, por ameaça à democracia.

Bastante criticado, ele se defendeu, em entrevista ao Domingo Espetacular, na Record. “Eu errei. Quero pedir desculpas, até ao Supremo (Tribunal Federal. Eu sou uma pessoa que só pensa bem dos outros. E agora estão querendo acabar comigo como se eu fosse bandido. Eu não sou bandido. Falei bobagem. Pensei que não teria essa repercussão”, desabafou.

Regina Duarte

Ex-secretária da Cultura do governo do líder da direita, a atriz veterana sempre busca colocar em destaque seu apoio ao presidente da República. Na web, ela revelou que algumas amizades de trabalho da Globo foram afetadas em virtude da política.

“Perversos? Foram, foram muito perversos, sim. Coitados… O que que dá pra fazer? Será que eram amigos? Agora me pergunto: eram amigos?”, disse ela. “Meus amigos ficaram comigo. Meus amigos não me perseguiram, não foram perversos comigo. Se foram perversos, não eram meus amigos. Simples assim”, afirmou.

Regina Duarte (Foto: Reprodução/Globo)

Ratinho

Em seu programa e em suas redes sociais, o apresentador do SBT sempre demonstra apoio a Jair Bolsonaro. Mais do mesmo, ele defendeu o presidente e protestou em prol do voto auditável – apesar das urnas eletrônicas utilizadas nas eleições já serem auditáveis -, em apoio ao protesto do dia da Independência do Brasil, espalhados ao redor do país.

Ratinho (Foto: Reprodução/SBT)

Amado Batista

O cantor, considerado ícone do brega, viralizou nas redes sociais após um vídeo onde convocava os apoiadores do presidente Jair Bolsonaro para o ato em apoio ao político e contra o Supremo Tribunal Federal (SPTF), realizado no dia 7 de setembro.

No conteúdo, ele pedia para o povo brasileiro “acordar”, ainda declarou que “infelizmente tem vários corruptos travando a vida do presidente”, e que, para isso, “precisamos ir as ruas em favor dele, em favor do país”.

Jair Bolsonaro e Amado Batista (Foto: Alan Santos/PR)

VEJA MAIS: Fernanda Montenegro compara governo de Bolsonaro à ditadura

Publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio